MENU

21/11/2020 às 00h00min - Atualizada em 21/11/2020 às 00h00min

QUANTA LARANJA MADURA! QUANTO LIMÃO PELO CHÃO!


No meu Grupo Escolar Primário, à hora do recreio as moças cantavam cantigas de roda. Eu, lá pelos oito, nove anos, um bicho do mato, punha-me à distância, admirando e apreciando aquelas cantigas. Uma dela dizia: Terezinha de Jesus deu um tombo / Foi ao chão / Acudiram três cavalheiros / Todos três de chapéu na mão ... ...  Quanta laranja madura / Quanto limão pelo chão. É daí, pois, faz 67 anos que guardo a ideia dessa LARANJA MADURA, DESSE LIMÃO PELO CHÃO.

Nos últimos tempos, a cada pós-maratona eleitoral, o que se vêm lamentação e frustração é “Quanta laranja madura /quanto limão pelo chão”. São os votos eleitorais perdidos estragados, jogados ao chão e que, embora muitos custaram caro, porque por eles pagaram caro – quem sabe custaram até mesmo os olhos da cara e o resultado é essa ostensiva e abusiva dispersão: tanta laranja madura / tanto limão pelo chão! Vejo nesse terreiro de tantas perdas, uns tantos que perderam - muitos porque tinham muito para perder; outros que nem perderam tanto, mas era o quanto tinham a perder.

E se é certo que “cada um só dá o que tem”, também é certo que “cada qual também só perde o que tem”. Enfim: quem pode muito, perde muito, quem pode pouco perde pouco – VÍRGULA - para o conjunto geral, pois que muitos que perdem o que outros consideram pouco, poderá ter-lhe custado um sacrifício de grande valia. Daí a relatividade, nesse terreno treiteiro em que se espalham perdidos estragados, desgraçados - tanta laranja madura / tanto limão pelo chão - que são os votos eleitorais.

Vamos por partes: MARCO AURÉLIO, com árvore e sombra e oxigênio e “lenha pra queimar”, foi com muita sede ao pote. Prometeu que a saúde iria funcionar durante sete dias da semana. A turma da saúde acostumada a “sextar”, deu o troco. Resultado foram 34.253 votos perdidos. E haja tanta laranja madura, tanto limão pelo chão! DOUTOR MADEIRA acostumado a servir-se dessas laranjas e limões, viu derramar e estragar só 21.366 votos. E o HILDÃO?  Não veio nessa com sua “pisada de porcão”. Nessa peleja Hildão me pareceu que estava só cumprindo tabela, nem pra frente nem pra acima. Estava frio. Ainda assim, lá se foram 18.597 sufrágios, perdidos e espalhados ao chão. Quais os seus “santinhos”, que os vi jogados num terreno, como num “serviço” de quem estava malgrado a seu serviço.

E a MARIANA CARVALHO? Não voto na Mariana nem que a vaca tussa, mas a moça tá furando a chapa e comendo a boia dos concorrentes: 10.009 votos. E haja limão pelo chão! E o DANIEL Fiim? Se zoadeira, se carreata, se aglomeração e foguete ganhassem eleição, DANIEL FIIM estaria eleito. O médico, porém (como os demais) nem aí para a aglomeração e a PANDEMIA que se dane futebol clube, né não? O moço é obstinado, lutador e tem futuro. É esperar pra ver! Mas perdeu pra Mariana e haja 9.915 votos quais laranjas e limões perdidos, derramados pelo chão!

Tem um trocadilho por aí que que diz que “tem gente que nasceu com a cara na lua e outros que nasceram com a lua na cara”. Roma do antigo Bandeira-2 é desses que “nasceu com a cara pra lua”, tem a vida inteira um canal de TV sempre nas mãos. Uma moleza!  Uma beleza! Ali é um palanque eleitoral e tanto! E um exército de cabos eleitorais, tal a “campanha indireta” e única e inigualável que ele faz, seja mandando bom-dia, seja procurando documentos ou cachorrinhos ou apoiando as vítimas, no seu palanque. Teve a montanha de 1.871 votos e... ainda assim... tanto limão pelo chão! Josevan Marques é um comediante de periferia, basta ter um microfone ao seu alcance. Ou nem precisa?! Na eleição passada para vereador teve um porrilhão de 1.559 votos, perdidos e estragados. Agora, para vereador teve só 620 votinhos, equivalente a 39,76% da eleição passada E haja laranja madura que apodreceu! Professor Adonilson, faz tempo teve tanto voto pra SENADOR que até ZÉ REINALDO lhe tirou o chapéu! Nesta última para vereador teve 957 votos e haja laranjas e limões espalhados pelo chão.

Observem a sorte eleitoral de alguns aqui: Baliado Taxista, 77 votos, Bibiu da Feijoada (116 votos), Palhaço Abençoado 36 votos; Dorinha do Camarão 36 votos; Doutora Iraethe (10 votos); Enfermeira Suelen 8 votos; Jaza do Som, 26 votos. Lorin do Bar – 38 votos, Zé Filho da Farinha – 54 votos. Moisemar taxista, 44 votos. Denys da Pururuca, 54 votos. João Enfermeiro, 104 – votos. Dr. Porto 130 votos.  Zé do Povo, 136 votos. Major Janilson 203 votos. Bombeiro Michelângelo 56 votos. Tenente Assunção, 127 votos, Fátima da Saúde, 119 votos. Missionária Geudilene, 93 votos; Cabo Deusivan, 71 votos. O certo é que, o que se vê é tanta laranja e tanto limão pelo chão. Agora quer ver voto para dar, vender, emprestar, alugar e botar fora? Era se estivesse concorrendo o DOMINGÃO COBRA MANSA, apoiador da Mariana. Uma pena! Qual um TIRIRICA! Levaria meia dúzia junto com ele! Ou uma dúzia?!

Destaque aqui para cabo JOTA RIBAMAR. Ribamar, não resta dúvida, tem lá o seu lado simpático, simples e guarda uma empatia popular. Na cola do Madeira teve, no passado votação expressiva para vereador, também para deputado estadual. Pelo sim e pelo não se tornou Secretário de Trânsito de Madeira, onde teve sob as luzes da ribalta, afinal, foi CABO Polícia Militar. Teve agora 330 votos. Aí a gente olha para o terreiro e vê quanta laranja madura, quanto limão pelo chão. Eu queria ver mesmo era o ZÉ CARLOS PÉ DE PATO nessa bocada, para Prefeito como ele chegou a ensaiar. Pé de Pato sabe que “quem mata o que não se come não perde por esperar”.

Destaque também para EDITE DA SERESTA: Cheguei um dia num “depósito de bagulhos” que tenho no Bacuri e ao abrir o portão, “santinhos” de diversos candidatos espalhados pelo chão. Passei a observar o nome de EDITE DA SERESTA (a quem não conheço) e vejo que ela furou na frente de muita gente: 234 votos! E haja tanta laranja madura e tanto limão pelo chão! Observo também que codinomes em que neles candidatos se escoram ou se abrigam tais como Pastor, Pastora, Irmã, Irmã, Missionário, Missionária, Irmão da Pamonha, bombeiro civil, são verdadeiros fracassos eleitorais. Tão ruins como os/as “da saúde” e os epítetos de doutores e doutoras e cabo e sargento e tenente e major e Capitão e Coronel. É ver pra crer!

Finalmente, peço DESCULPAS pela involuntária omissão quanto aos demais. Afinal, com um total de 458 candidatos a vereador, excetos 21 eleitos, o RESTO é o que se vê: Quanta laranja madura! Quanto limão pelo chão! São os votos eleitorais, estragados, perdidos, suados, surrados, derramados – como que amaldiçoados – e jogados pelo chão.
 
Link
CLEMENTE VIEGAS

CLEMENTE VIEGAS

O Doutor CLEMENTE VIEGAS e advogado, jornalista, cronista e contesta o social.

Tags »
Relacionadas »
Comentários »
Loading...