MENU

06/10/2021 às 21h36min - Atualizada em 06/10/2021 às 21h36min

​Preso homem que vivia maritalmente com adolescente de 13 anos

A mãe da jovem, que está grávida de 7 meses, também foi presa

Dema de Oliveira
Grupo de Pronto Emprego fez a prisão dos acusados - Foto: Arquivo/O PROGRESSO
 
Um indivíduo de 22 anos e uma mulher foram presos em flagrante por uma equipe do Grupo de Pronto Emprego (GPE), da 10ª Delegacia Regional de Polícia Civil de Imperatriz, pelo crime de estupro de vulnerável, cuja vítima foi uma adolescente de 13 anos. A menina está grávida de 7 meses, fruto dos abusos sofridos no município de Ribamar Fiquene, distante 50 km de Imperatriz.

Segundo a Delegacia Regional de Polícia Civil de Imperatriz, que preside as investigações, o Conselho Tutelar de Ribamar Fiquene acionou a polícia informando que a adolescente estava convivendo como mulher de um homem maior de idade em local insalubre. O GPE, juntamente com o Conselho Tutelar, se deslocaram até a sede do município. Chegando ao local foi constatada a veracidade da denúncia. O indivíduo então recebeu voz de prisão em flagrante. A mãe da menina, que consentiu com o relacionamento amoroso, também foi presa. 

Segundo a polícia, o relacionamento teve início quando a menina tinha 11 anos. Os conduzidos foram apresentados na Delegacia Regional de Polícia Civil em Imperatriz, onde foram feitos os procedimentos que o caso requer. Quanto a menina, está sob os cuidados do Conselho Tutelar de Ribamar Fiquene e a justiça, por meio da Vara da Infância e da Juventude, da Comarca de Montes Altos, é quem vai definir toda a situação.
 

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Loading...