MENU

30/08/2021 às 21h11min - Atualizada em 30/08/2021 às 21h11min

Procon Tocantins notifica Semusa por desabastecimento de água em Araguatins

Foi dado o prazo de 48 horas para que o Semusa justifique o problema e ainda apresente as ações adotadas para resolver a demanda dos consumidores

Thaise Marques/Governo Tocantins
Segundo os consumidores, a falta de água é constante no município - Foto: Divulgação/Governo do Tocantins
 
Por desabastecimento de água no município de Araguatins, o Procon Tocantins notificou o Serviço Municipal de Saneamento de Água (Semusa) nesta segunda-feira, 30. O problema ocorre principalmente na Vila Cidinha.

A notificação ocorreu após denúncias de consumidores que relataram constantes interrupções no fornecimento de água. Ainda segundo as informações, algumas chegam a durar até 30 dias e, quando a água chega é limitada, ou seja, não tem força e com pouco volume.

“Ainda de acordo com os moradores, o retorno do fornecimento de água é instável. O Procon Tocantins reforça que a interrupção no fornecimento só poderá ocorrer nos casos em que seja necessário efetuar reparos, modificações ou melhorias nos sistemas, e em situações de emergência”, explica o superintendente do órgão de defesa do consumidor, Walter Viana.

O Procon Tocantins destaca também que é imprescindível a informação prévia aos consumidores diretamente atingidos, sobre os dias em que haverá a interrupção no fornecimento de água, de modo que a população atingida possa se organizar.

Foi dado o prazo de 48 horas para que o Semusa justifique o problema e ainda apresente as ações adotadas para resolver a demanda dos consumidores. O gerente de fiscalização, Magno Silva, ressalta que os consumidores devem denunciar.

“O tratamento e o abastecimento de água são considerados serviços públicos essenciais, devendo, portanto, ser contínuo. O consumidor que enfrentar qualquer problema com desabastecimento de água deve formalizar sua denúncia”, afirma Magno Silva.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Loading...