MENU

11/04/2022 às 22h00min - Atualizada em 11/04/2022 às 22h00min

Ex-presidente do Imperatriz Chico Brasil, morre aos 66 anos

Outro nome ligado ao esporte imperatrizense que faleceu no fim de semana, foi o engenheiro do Dnit Pedro Deodato

Dema de Oliveira
Jornal O PROGRESSO
Chico Brasil e Pedro Deodato dois desportistas imperatrizenses faleceram, no fim de semana - Foto: Divulgação
   
Faleceu na madrugada do último sábado (9), o ex-presidente da Sociedade Imperatriz de Desportos (SID), Francisco da Silva Almeida, que era conhecido por Chico Brasil.

Além de presidente do Imperatriz, fato que aconteceu em 2007, Chico Brasil, era empresário e foi presidente da Câmara dos Dirigentes Lojistas (CDL), por muito tempo.

Chico Brasil, que era além de tudo um desportista nato e torcedor do Fluminense, nasceu em Pedreiras (MA) e residia em Imperatriz desde a infância, faleceu aos 66 anos, por sequelas deixadas por um Acidente Vascular Cerebral (AVC), que havia sido acometido acerca de dois anos atrás. Deixou viúva a esposa Iranete Chaves e deixou dois filhos e netos. Chico Brasil era formado em gestão de negócios, foi também gerente do Armazém Paraíba, além dos outros cargos.

Outro desportista
Outro nome ligado ao esporte imperatrizense que faleceu no fim de semana, foi o engenheiro do Dnit Pedro Deodato Amorim Nascimento. Pioneiro na famosa pelada do DNER e torcedor fanático do Flamengo.

Pedro Deodato, da mesma maneira de Chico Brasil, havia sido vítima de um AVC e faleceu também por sequelas deixadas pela doença.

A partida desses dois cidadãos e desportistas de Imperatriz, deixa uma grande lacuna no esporte imperatrizense. A editoria de esporte de O PROGRESSO, se une a familiares e amigos, dos dois desportistas, nesse momento de dor, mas fica a certeza que eles estão junto com o pai celestial.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »