MENU

20/03/2021 às 00h00min - Atualizada em 20/03/2021 às 00h00min

Bastidores

  

Transparência

Ontem a Secretaria de Fiscalização do Tribunal de Contas do Estado do Maranhão (Sefis) divulgou as primeiras informações relativas ao cumprimento da Decisão Normativa TCE n° 39/2021, que estabelece a obrigatoriedade do envio ao TCE pelos municípios maranhenses dos questionários e documentos comprobatórios sobre os planos de vacinação contra a Covid-19, bem como a divulgação nos portais da transparência dos planos municipais de vacinação. Conforme o TCE, dos 217 municípios maranhenses, 209 responderam ao questionário sobre o plano de vacinação. Não enviaram as informações os municípios de Davinópolis, Itinga, Axixá, Buriti, Godofredo Viana, Lago Verde, Pinheiro e Santana do Maranhão. As determinações da Decisão Normativa têm como finalidade identificar as ações adotadas pelos municípios no processo de imunização de suas populações contra a Covid-19 e prevenir a ocorrência de desvios e fraudes na execução dos planos de vacinação. Para coletar as informações, o TCE enviou questionário eletrônico sobre a estrutura e o andamento dos planos da vacinação, abordando aspectos como disponibilidade de agulhas e seringas, pagamento de pessoal, priorização dos grupos de riscos e categorias, alocação correta dos recursos, quantidade de insumos, entre outros pontos específicos. Os municípios que não divulgaram os planos de vacinação em seus portais de transparência e aqueles que não encaminharam o plano de vacinação junto com os questionários, deverão pagar multa, além das demais sanções administrativas.

Partidos

Atualmente, o Brasil tem 77 partidos políticos em processo de formação e 33 aptos a lançar candidatos para disputar as Eleições de 2022. Contudo, para que as futuras legendas obtenham o registro dos estatutos no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e possam funcionar efetivamente como agremiações partidárias, elas devem cumprir uma série de requisitos elencados na Resolução TSE nº 23.571/2018 e na Lei nº 9.096/1995, conhecida como Lei dos Partidos Políticos. As normas disciplinam a criação, a organização, a fusão, a incorporação e a extinção das agremiações partidárias. Para concorrer nas próximas eleições, os partidos devem estar devidamente registros na Justiça Eleitoral com seis meses de antecedência.

Olha aí!

O presidente da República, Jair Bolsonaro, ajuizou no Supremo Tribunal Federal Ação Direta de Inconstitucionalidade, com pedido de medida liminar, para suspender os decretos da Bahia, do Distrito Federal e do Rio Grande do Sul, que estabelecem medidas restritivas no combate à pandemia da Covid-19, como o fechamento de atividades não-essenciais e o toque de recolher noturno. Num momento em que quase três mil pessoas estão morrendo por dia no País e, portanto, havendo a necessidade do endurecimento de medidas, o presidente se opõe às restrições impostas por governadores. A senadora maranhense Eliziane Gama (Cidadania) criticou duramente a iniciativa do presidente.

Ele disse 

– “Meu perfil sempre foi de agregador, de somar forças. Flávio é o líder do grupo. No momento que ele achar por bem, estaremos prontos para discutir o projeto de 22. Ele tem um time bom, e neste time eu sou um jogador e estarei pronto para assumir qualquer tarefa”. A afirmação foi feita pelo senador Weverton Rocha (PDT), em entrevista à TV Mirante.

Medidas 

O governador Flávio Dino decidiu, ontem, antecipar o feriado da Adesão do Maranhão à Independência, de 28 de julho para 26 de março. A decisão faz parte das medidas no combate à pandemia. O decreto anunciado semana passada e prorrogado ontem, determina o fechamento de bares e restaurantes na Grande São Luís até o dia 28 de março. Festas estão proibidas. Quanto academias e supermercados, só podem funcionar com 50% de sua capacidade de ocupação. Na construção civil, os serviços devem ser encerrados às 16h. As aulas presenciais estão suspensas, inclusive nas universidades.
  
Link
CORIOLANO FILHO

CORIOLANO FILHO

CORIOLANO Miranda Rocha FILHO, passou a comandar a Redação depois de ter passado por praticamente todos os setores do jornal.

Tags »
Relacionadas »
Comentários »
Loading...