MENU

20/07/2021 às 22h34min - Atualizada em 20/07/2021 às 22h34min

Mirandinha deixa o Cavalo de Aço

Treinador Miradinha alegou problema pessoal

João Rodrigues
Francisco Erandi, o Mirandinha - Foto: Vagner Gregório/Assessoria/SID
 
O Imperatriz está sem técnico. O treinador Francisco Erandi, o Mirandinha, deixou oficialmente ontem o comando do Cavalo de Aço e atribuiu a saída a problemas particulares. A diretoria do Imperatriz já iniciou a procura por novo técnico.

Em entrevista à Aço TV, canal oficial do Imperatriz, na noite de segunda-feira(19), Mirandinha fez o comunicado de sua decisão, agradeceu o apoio recebido da diretoria, torcida e da imprensa.

“Tive uma conversa muito leal com o presidente e estou deixando a equipe. Não por qualquer problema de ordem disciplinar ou por não estar  conduzindo da maneira que a diretoria quer. Mas por um problema pessoal, eu vou ter que me afastar, com muita tristeza, porque fiz do Imperatriz a minha família. Deixar bem claro que não existe proposta e oportunidade em outro lugar”, disse Mirandinha.

Sem citar nomes, ainda durante o anúncio da saída, Mirandinha lembrou que recebeu críticas, mas disse que entende que elas fazem parte do mundo do futebol.

“Recebi críticas e as vezes até deselegantes por parte de alguém, mas isso faz parte do mundo do futebol, e não vou jamais crucificar ninguém por qualquer que seja o ato contra a minha pessoa. Tem o profissional e tem o ser humano, eu gosto de prezar pelos dois”, frisou o técnico, que vai retornar para Fortaleza onde moram seus familiares.

Na tarde dessa terça-feira, Mirandinha foi ao Estádio Tomezão, em João Lisboa, onde o time do Imperatriz realizou treino, mas apenas para se despedir dos atletas e demais integrantes da comissão técnica.

Sob comando de Mirandinha, desde o mês de maio, o Imperatriz fez sete jogos na primeira fase do Campeonato Brasileiro da Série D, em que terminou na terceira posição com 10 pontos. O Cavalo de Aço teve duas vitórias, quatro empates e apenas uma derrota, ocorrida fora de casa. O aproveitamento foi de 47,6%.
 

Novo treinador

O gerente de futebol, Charles Guerreiro, e o presidente Wagnner Ayres, também participaram da coletiva virtual, logo depois, e falaram sobre a situação do clube e planejamento para o restante da temporada. Guerreiro disse que a diretoria já está fazendo contatos visando a contratação de um novo treinador e citou nomes como de Samuel Cândido, que passou pelo São Francisco do Pará, e Carlos Alberto Dias, ex-Frei Paulistano.

Guerreiro disse que poderia reassumir o comando técnico, mas prefere ficar no cargo de gerente de futebol, embora esteja disposto a colaborar nos treinos.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Loading...