MENU

23/06/2022 às 22h38min - Atualizada em 23/06/2022 às 22h38min

Suspeito de ameaçar e vigiar mulher após fim de relacionamento é preso em Araguatins

Há relatos de que o homem monitorava a residência da vítima até durante a noite

Assessoria
Homem preso por prática de stalkink - Foto: Dicom / SSP-TO
 
Um homem de 41 anos suspeito de praticar os crimes ameaça, lesão corporal e stalking (perseguição incessante) contra a ex-companheira foi preso em Araguatins, no Bico do Papagaio, nesta quinta-feira (23).

De acordo com o delegado Eduardo Morais Artiaga, o homem passou a perseguir e vigiar a mulher após o fim do relacionamento de forma reiterada. Inclusive, há relatos de que ele monitorava a residência da vítima até durante a noite.

“As investigações apontaram  que o autuado chegou a falar para a vítima que se ela não ficasse com ele, não ficaria com mais ninguém. Nessas investidas, o homem causava intenso sofrimento físico e psicológico à vítima”, disse o delegado.

As medidas protetivas à vítima não intimidaram o suspeito. “Mesmo com medidas protetivas impostas pela Justiça para que o homem não se aproximasse ou tivesse qualquer tipo de contato com a vítima, os relatos de perseguição intensa continuaram”, informou o delegado Artiaga.

Após o descumprimento das medidas protetivas, no entanto, a Justiça expediu mandado de prisão preventiva. O homem foi preso nesta quinta-feira e encaminhado à Cadeia Pública de Araguatins.

Conforme o delegado Eduardo Artiaga, o ocorrido deve servir de alerta a todas as mulheres que estejam sofrendo algum tipo de violência doméstica (seja ela física, sexual, psicológica) ou sendo vítimas de stalking para que procurem a Polícia Civil o mais rapidamente. Dessa forma, o agressor pode ser identificado, localizado e preso.

“É de suma importância que todas as vítimas de violência perpetradas por parceiros ou ex-parceiros busquem a ajuda dos órgãos competentes e da Polícia Civil no sentido de romper o ciclo de violência e preservar sua própria integridade física e psicológica”, finalizou o delegado.

Notícias Relacionadas »
Comentários »