MENU

26/11/2021 às 21h44min - Atualizada em 26/11/2021 às 21h44min

NO MUNDO DOS INSETOS

Elson Araújo
 
Para você que, aqui e acolá, nos brinda com o carinho da leitura neste cantinho de O Progresso vai mais uma curiosidade sobre o reino animal. Os bichos, sejam de qualquer espécie, têm sempre algo a ensinar. Já escrevi sobre esse tema outras vezes. Tem uns que adivinham chuva e até, conforme a crendice popular, curam.

É fato, que ao se observar a natureza é possível que o ser humano se identifique com algumas espécies. Há quem se identifique com os cães, com os leões, macacos, formigas,e até com as libélulas. Você que ler esses traços, por exemplo, com que espécie dos irracionais se identifica? Já parou para pensar sobre isso? 

Chama-me bastante a atenção no mundo dos insetos o escorpião. Seguem nas próximas linhas algumas curiosidades sobre esse inseto cujo comportamento se assemelha ao de muitos seres humanos

Leia com atenção e depois, por diversão, veja se alguém que você conhece se assemelha a esse bichinho ou a outras criaturas do reino animal. 

O escorpião se sente bem nos escombros, na penumbra e vive sempre em posição de ataque. Dia desses comecei analisar o escorpião e a fazer algumas comparações.

O escorpião tem uma característica incomum: o inseto passa seis meses acumulando veneno em suas glândulas e ao não encontrar um outro ser para picar, ele se pica e morre com seu próprio veneno.

Entre os seres humanos há muitos que de tão peçonhentos também desenvolvem o mesmo procedimento do escorpião, que é também conhecido por lacrau ou alacrau, um animal invertebrado, artrópode (com patas formadas por vários segmentos) que pertence à ordem Scorpiones estando enquadrado na classe dos aracnídeos.

Existem registros científicos da existência dos escorpiões há mais de 400 milhões de anos. Segundo pesquisas, foram eles os primeiros artrópodes a conquistar o ambiente terrestre. Nesta adaptação, lhes foi muito útil a carapaça de quitina que compõe o seu exoesqueleto e que evita a evaporação excessiva.

Uma outra informação importante sobre esse artrópode: eles são animais carnívoros e têm geralmente hábitos noturnos e crepusculares, quando caçam e se reproduzem. Sua alimentação é baseada em insetos invertebrados tais como cupins, grilos, baratas, moscas e mutucas, e também de outro aracnídeo, a aranha.

Uma curiosidade a destacar é o fato de, quando da escassez completa de alimento, os animais desta espécie praticam o canibalismo para sobreviver, ou seja, devoram seus semelhantes. 

O escorpião realmente é um animal fascinante. Também chama atenção a forma dele se alimentar. Para tal, se utiliza de suas quelíceras, que são umas pequenas garras que saem da boca, muito afiadas, que são usadas para retirar pequenos pedaços de alimento da sua presa e colocá-los na boca. 

Outro fato sobre o inseto é que ele só digere alimentos em forma líquida, rejeitando qualquer matéria sólida. Também possuem predadores naturais, entre eles se destacam as lacraias, louva-deus, macacos, aranhas, sapos, lagartos, seriemas, corujas, gaviões, quatis, galinhas, camundongos, algumas formigas e os próprios escorpiões.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Loading...