MENU

27/08/2021 às 23h00min - Atualizada em 27/08/2021 às 16h30min

148 pessoas foram presas em ações do Grupo de Pronto Emprego(GPE) de Imperatriz

Daniel Nasscimento
Ascom PC/MA
Agentes do Grupo de Pronto Emprego (GPE) em serviço. Foto: Divulgação

  
Criado pela Polícia Civil do Maranhão para auxiliar as unidades policiais nas investigações e na atuação em situações de risco diferenciado, o Grupo de Pronto Emprego (GPE) vem apresentando um grande avanço no combate à criminalidade.

Em Imperatriz, o GPE foi criado em abril de 2019, e ao longo desses mais de dois anos de existência, tem intensificado as ações coordenadas pela 10ª Delegacia Regional de Imperatriz nas 16 cidades que fazem parte da regional.

De acordo com o delegado Alex Coelho, com a atuação do GPE, a Polícia Civil tem conseguido reduzir os números de violência e aumentado as suas operações policiais no interior do Estado, resultando na retirada de circulação de indivíduos envolvidos com os mais diversos crimes.

Ainda de acordo com o delegado, de janeiro até o dia 26 de agosto deste ano, foram contabilizadas 147 prisões, sendo 85 por mandados de prisão e 65 pessoas presas em flagrante, além de um mandado de busca e apreensão contra um adolescente.

Os dados foram apresentados no intuito de prestar contas com a sociedade acerca dos trabalhos realizados na regional pelo grupo. A 10 ª Delegacia Regional de Imperatriz disponibiliza do número (99) 98475-5975 para ser utilizado em denúncias no total sigilo e anonimato.
 


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Loading...