MENU

12/08/2021 às 19h48min - Atualizada em 12/08/2021 às 19h48min

Governador Flávio Dino se reúne com Sinrural para tratar de evento agropecuário em Imperatriz

Sandra Viana
Secom/MA
Foto: Karlos Geromy
 
O governador Flávio Dino recebeu o presidente do Sindicato Rural de Imperatriz (Sinrural), Afonso Danda, nesta quinta-feira (12), no Palácio dos Leões, para conversar sobre a promoção da Feira de Agronegócios (Feagro). O evento agropecuário será em outubro, no município de Imperatriz. A expectativa é de reforçar a promoção de negócios no setor, na cidade e região, além de atrair investimentos e gerar empregos e renda. O objetivo principal da feira é fazer negócios e aquecer a economia da região.

O secretário de Estado da Agricultura, Pecuária e Pesca do Maranhão (Sagrima), Sérgio Delmiro, destacou a importância da iniciativa. “Tivemos o prazer de receber o Sinrural, de Imperatriz, sindicato muito atuante na agropecuária do nosso Estado, que vieram propor um novo evento para retomada econômica do agro no Maranhão e o governador sinalizou positivamente. Será, sem dúvidas, um importante evento, que terá sua primeira edição em outubro, com parceria de várias instituições do Estado”, frisou Delmiro. 

O presidente do Sinrural, Afonso Danda, pontuou as expectativas para a feira que, em apenas uma instituição financeira deve movimentar cerca de R$ 60 milhões em financiamentos. “Esperamos que se concretize e que este capital fique na região, sem falar dos demais bancos. Teremos em outubro, período da feira, a decisão final da safra, por isso, acreditamos que poderão vender bastante nesse evento”, disse Danda.

 A previsão é de 50 estandes, cerca de três mil produtores participantes, mais 10 estandes de municípios da região e pelos menos três mil visitantes fazendeiros, exclusivamente para efetivar compras. A feira de agronegócios será voltada para comercialização de equipamentos, insumos agrícolas, máquinas e promoção de oficinas e cursos profissionalizantes, além de exposições e um ciclo de palestras. O espaço contará ainda com sistema bancário e convidamos todos os municípios da região. “Queremos fazer a retomada econômica pós-pandemia. É preciso acordar, trabalhar, gerar emprego e renda e fazer nossa função social”, explicou Afonso Danda.
 

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Loading...