MENU

09/08/2021 às 20h21min - Atualizada em 09/08/2021 às 20h21min

Ex-presidiários são executados a tiros em Imperatriz

Mesmo em liberdade provisória, um deles usando tornozeleira eletrônica, continuavam no submundo do crime

Dema de Oliveira
Rayanderson Brito e Marcos Antônio Nascimento foram executados a tiros - Foto: Divulgação/Redes Sociais
 
Rayanderson Brito, de 24 anos, e Marcos Antônio Nascimento, também de 24 anos, foram executados a tiros na noite de sábado (7), quando trafegavam pela Avenida Arthur Azevedo, que dá acesso à Praia do Cacau, próximo à Ponte Dom Affonso Felippe Gregory.

Segundo testemunhas, os dois homens caminhavam pela avenida quando foram surpreendidos por dois homens, que estavam em uma caminhonete Toyota, modelo Hilux, cor prata. O carona efetuou os disparos, todos acertaram as cabeças das vítimas, que morreram no local. 

Segundo a Polícia Civil, os dois tinham passagem pela polícia por tráfico de drogas e as investigações apontam  que a motivação do crime esteja relacionada ao tráfico de drogas. Rixa entre facções criminosas também não está descartada. 

Rayanderson Brito e Marcos Antônio Nascimento estavam em liberdade provisória, já que tinham várias passagens pelo sistema prisional. Inclusive Rayanderson Brito estava usando tornozeleira eletrônica. Os corpos, após perícia no local, foram removidos para o Instituto Médico Legal (IML) e depois dos procedimentos de praxe, foram liberados para familiares. 

Equipe de Investigadores da Delegacia de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP), sob o comando do Delegado Praxisteles Martins, já iniciou às investigações para apurar o crime.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Loading...