MENU

23/12/2020 às 00h00min - Atualizada em 23/12/2020 às 00h00min

Marília Futebol Clube de Imperatriz comemora 36 anos

Antonio Pereira Borges recebeu os convidados respeitando os protocolos de combate ao Covid-19

Dema de Oliveira
Antonio Pereira e Raimundo Alves, dois grandes baluartes na causa do Azulão - Foto: Divulgação/MFC
O Marília Futebol Clube, tradicional clube de futebol de Imperatriz, com mais ênfase para as divisões de base, comemorou nesta segunda-feira (21) 36 anos de fundação em grande festa no CT do clube, na BR-010. Na ocasião, foram encerrados os trabalhos em 2020 na escolinha do azulão, que voltará em 2021 com força total, evidente dependendo do término da pandemia do covid-19, que tudo indica será banido do mundo nos próximos meses, com a vacinação de toda a humanidade.

Na festa, ao estilo Antonio Pereira Borges, estiveram presentes fundadores do clube, atuais dirigentes, jogadores e pais de alunos, que comemoraram em grande estilo os 36 anos do clube. Na verdade, a festa foi um pouco diferente das anteriores, justamente pela pandemia. O Marília é mais do que uma escola de futebol, é uma escola para a vida. 

Entre os fundadores do Clube, Raimundo Alves, foi um que estava presente a mais essa comemoração de fundação do clube. Pela sua tradição, o Marília sempre apostou no social e há muitos anos faz um trabalho intenso e muito bom de capacitação do aluno, do atleta, do homem e do pai de família. “Isso é muito importante para a sociedade da nossa região. Os seus professores sempre voltados para a parte humana e social, pessoas capacitadas para o desenvolvimento dessa missão. Parabéns Marília, parabéns Pneus Fort, parabéns Pereira, parabéns família Marília”, destacou Raimundo Alves. 

O Marília, nos seus 36 anos, já revelou grandes jogadores, tanto para clubes profissionais como para amadores da cidade e de outros municípios do estado. Grandes jogadores atuaram pelo Marília, em disputas do Campeonato Amador de Imperatriz, como Xaxado, Geovanni, Joel, Taxinha, Aquinã, entre outros grandes astros, que deixarem registrados os seus nomes na história do futebol amador da cidade.
 
O empresário Antonio Pereira Borges, o grande comandante do Pneus Fort, abraçou essa causa e atualmente falou no Azulão, lembrou Pneus Fort.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Loading...