MENU

18/12/2020 às 00h00min - Atualizada em 18/12/2020 às 00h00min

Parceria com a agricultura familiar

Cursos sobre reaproveitamento de alimentos são ofertados pelo Banco de Alimentos

Assessoria
Foto: PROCAF/Honório Moreira
O Governo do Estado adquiriu mais de sete toneladas de alimentos dos agricultores familiares da zona rural de São Luís. A produção foi adquirida por meio de edital do Programa de Compras da Agricultura Familiar (Procaf) e entregue ao Banco de Alimentos, fortalecendo a produção dos agricultores da comunidade Coquilho e movimentando a economia local.

Oficinas de reaproveitamento de alimentos e manipulação
Ao longo do ano foram realizadas, para as instituições cadastradas no Banco de Alimentos, oficinas para ensinar receitas com diversas formas de reaproveitar os alimentos, como a utilização de cascas e sementes para produção de bolos, sucos e biscoitos.

Para a secretaria adjunta de Segurança Alimentar e Nutricional (Sasan), Lourvidia Caldas, a capacitação é importante para trabalhar a manipulação correta dentro do aproveitamento integral dos alimentos e evitar o desperdício. “O banco oferta a possibilidade de uma aprendizagem significativa dentro da produção de alimentos. Essas pessoas sairão daqui e serão multiplicadores nas comunidades onde estão inseridas”, comentou.

Receitas de bolos, sucos e sobremesas saudáveis são ensinadas, como explica Carolline Abreu, nutricionista do Banco de Alimentos. “Nós ensinamos o suco de manga, enriquecido com a cenoura. Bolo de macaxeira feito usando farinha de rosca e farinha da semente da abóbora e também bolo de banana feito com semente da abóbora. Então, são alimentos que ajudam a fortalecer nosso sistema imunológico e evitam o desperdício”, contou.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Loading...