MENU

08/12/2020 às 00h00min - Atualizada em 08/12/2020 às 00h00min

Delegado regional afirma que criminosos usam sites falsos para fraudar Pix

Os criminosos estão usando esse dispositivo para fraudar o pix e sacar dinheiro nas contas alheias

Delegado regional Enderson Martins está cuidando pessoalmente desses casos - Foto: Arquivo/O PROGRESSO
Na semana passada, quatro homens e uma mulher foram presos em Imperatriz por suspeita de furto de dinheiro, por meio de fraude cibernética, comumente chamados de hacker.

Esses criminosos presos estavam fraudando o sistema Pix, que é a mais nova maneira de realizar pagamento instantâneo. Esse sistema foi desenvolvido pelo Banco Central.

Nesta segunda-feira, O PROGRESSO conversou com o delegado regional Enderson Martins, que esclareceu que o golpe ao novo sistema por hackers é feito por meio de sites falsos. Esse golpe já existia, mas agora com o Pix ficou mais fácil.

“O PIX é seguro e veio para revolucionar e fazer o sistema financeiro andar. Então não é o PIX que é o problema. O problema é na hora do cadastro, porque os criminosos se utilizam de sites falsos, ferramentas maliciosas no computador e outros tipos de vírus, que é nessa hora que capta as informações de quem está fazendo o cadastro. Esse é um golpe como os outros aplicados para colher os dados bancários. A escolha do PIX é porque é mais rápida e a demanda por cadastramento no sistema neste momento está sendo grande”, destacou.

“É importante lembrar que o cadastramento da chave PIX é feita pelos bancos, dentro das plataformas do internet banking. O cadastramento por meio de sites avulsos não deve ser feito. Somente o dono da conta bancária, seja em bancos físicos ou digitais, pode fazer o cadastramento por meio de seus dados pessoais”, esclareceu Enderson Martins.

As cinco pessoas que foram presas em Imperatriz, por furto mediante usos de equipamentos cibernéticos (hacker), usaram sites falsos para fraudar o Pix, de contas de pessoas do Pará. A operação da Polícia Civil do Maranhão, que cumpriu mandados de prisão em Imperatriz, contou também com policiais civis do Pará.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Loading...