MENU

17/05/2022 às 19h49min - Atualizada em 17/05/2022 às 19h49min

Acusado de matar padastro em defesa da mãe se apresenta na DHPP

Ele prestou depoimento e vai responder em liberdade

Dema de Oliveira
Jornal O PROGRESSO
Ronaldy Lima Ferreira foi socorrido mas morreu no Socorrão - Foto: Divulgação/Redes Sociais
 
O homem acusado de ter assassinado o padastro, Ronaldy Lima Ferreira, de 35 anos, fato ocorrido no fim de semana na Vila Cafeteira, se apresentou espontaneamente na Delegacia de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP). 

A apresentação aconteceu na manhã desta terça-feira (17). O homem, que não teve o nome revelado, prestou depoimento e depois foi liberado e vai responder em liberdade. 

Em seu depoimento ao delegado Praxisteles Martins, ele disse que o que ocorreu foi em legítima defesa da mãe, tendo em vista que o padastro Ronaldy Lima Ferreira estava com uma faca na mão. 

A Polícia tem dez dias para enviar o inquérito à Justiça. O homem deve responder por homicídio, mas por legítima defesa.  

O caso aconteceu na madrugada do último domingo (16), na Vila Cafeteira. 

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »