MENU

13/05/2022 às 19h56min - Atualizada em 13/05/2022 às 19h56min

Marinha vai intensificar fiscalização em embarcações

William Marinho
Jornal O PROGRESSO
Período de veraneio oficial que é de 1º de julho a 30 setembro - Foto: Divulgação
 
O agente fluvial da Marinha, capitão-tenente Ariel Dantas de Souza, revelou ontem que embora o órgão mantenha fiscalização rotineira no rio Tocantins em sua área de jurisdição que vai de São Pedro da Água Branca e Carolina, que no período de veraneio oficial que é de 1º de julho a 30 setembro, será realizada a Operação Verão em todo o país e que será promovida também pela agência como forma de alertar as embarcações seja de lazer ou de transporte de passageiros.

Esta operação vai visar sobremaneira alertar os proprietários de lanchas, jet sky e de embarcações amadoras, como rabetas e ainda a população no sentido que tome todos os cuidados ao navegar pois o rio e traiçoeiro.

“Vamos atuar de forma mais intensiva de forma a alertar todos aqueles que navegam no rio no período para que sigam o código que regula o setor, usando os equipamentos adequados, bem como os documentos da embarcação e pessoal no caso, a carteira de habilitação”,destacou.

Como é difícil realizar a fiscalização no trecho por 24 horas, ele conta com o apoio dos diretores dos  clubes náuticos para informar aos proprietários sobre os cuidados e sobre a documentação e faz um alerta “aquele que é flagrado sem seus documentos são notificados a comparecer na agência fluvial e dependendo do esclarecimento, poderão ser multados em valores que vão de R$ 40 reais a R$ 5 mil e isso, nós não queremos ser obrigado a fazer por isso pedimos que compareçam a agência antes do veraneio para se regularizarem”.

O comandante também frisou que por causa da pandemia alguns eventos como Amigos da Marinha foram suspensos mais agora com a diminuição do protocolo, já estão sendo preparados este e outros eventos para serem realizados ainda este ano.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Loading...