MENU

17/02/2022 às 19h23min - Atualizada em 17/02/2022 às 19h23min

Policial militar é preso por suspeita de homicídio no interior do estado

Aldenir Diniz Viana, conhecido por Dênis, foi executado com tiros na porta de casa

Da Redação - Ascom PC/MA
Por Assessoria/PC-MA
Aldenir Diniz Viana, o Dênis, foi executado a tiros - Foto: Divulgação/Redes Sociais
 
Um policial militar foi preso em flagrante nesta quinta-feira (17) pelos crimes de homicídio qualificado, porte ilegal de arma de fogo de uso permitido e adulteração de sinal identificador de veículo automotor. O caso foi registrado na cidade de Vargem Grande, a 596 km de Imperatriz, na região leste do estado.

A vítima, identificada por Aldenir Diniz Viana, conhecido por Dênis, foi executada com tiros na região da cabeça na porta de casa. As Polícias Civil e Militar foram informadas sobre o homicídio e foi iniciada diligência conjunta, com objetivo de identificar o veículo usado no crime. Um Volkswagen Gol branco estava com dois ocupantes. 

O veículo foi interceptado na cidade de Itapecuru-Mirim, na ocasião conduzido por um policial militar do Maranhão. Após a abordagem, foi realizada revista e encontrada uma arma, tipo pistola ponto 40, placas de veículos frias dentro de uma mochila, possivelmente usada no carro durante sua estada na cidade de Vargem Grande, onde ocorreu o crime.

O militar aparentou nervosismo e caiu em contradição em suas alegações, ocasião que recebeu voz de prisão e foi encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil de Vargem Grande. 

Após os procedimentos de praxe, o policial foi transferido para o presídio militar em São Luís, onde se encontra à disposição da justiça. 

Segundo informações, Aldenir Diniz Viana é a terceira vítima de homicídio da família em três anos.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »