MENU

09/01/2022 às 00h50min - Atualizada em 09/01/2022 às 00h50min

Cantinho do Humor

Sorria!

Da Redação
GB Edições
   

Dizendo a verdade

Manuel e sua esposa vinham numa estrada, dirigindo o seu carro quando, de repente, aparece um guarda de trânsito e os manda parar.
Manuel então comenta com a esposa:
— Maria, estou perdido! Estou sem os documentos do carro!
Ela responde:
— O que se há de fazer, Manuel? Vamos parar!
Manuel parou, o guarda se aproximou e disse:
— Boa noite, estamos parando os carros só para avisar que logo adiante a pista estará em obras, com apenas uma faixa. Então, tenham muita atenção!
Manuel, aliviado, diz:
— Graças a Deus que o senhor não me pediu os documentos, pois estava sem nenhum!
E a Maria:
— Não ligue para o que ele diz não seu guarda, que ele está é bêbado!
 

Aviãozinho na aula

O Joãozinho, que sempre foi um menino muito sapeca tanto em casa quanto na escola, está com a “corda toda” naquele dia. Depois de aprontar bastante na sala de aula e no recreio, a professora chama a sua atenção, e ele, receoso, resolve sossegar. Horas depois, quando a turma está em silêncio, o garoto não se aguenta e joga um aviãozinho de papel na professora, que está escrevendo na lousa. Zangada, ela se vira para a classe e pergunta:
— Quem fez isso?
Ninguém se pronuncia.
— Vamos, pessoal! Me digam: quem começou o avião?
E, então, Joãozinho responde:
— Foi o Santos Dumont, professora.
 

Menino esperto

A mãe de Joãozinho volta à casa, da clínica onde deu à luz gêmeos e é recebida por Joãozinho:
— Mamãe, mamãe! Eu contei para a professora que tive um irmãozinho e ela me liberou das últimas três horas de aula!
— E por que você não contou que eram dois irmãozinhos? — perguntou a mãe.
— Eu não sou trouxa, mãe! O outro irmãozinho eu reservei pra semana que vem!
 

Só homens casados

Um rapaz faz uma entrevista de emprego em uma grande empresa. Apesar de ter um excelente currículo e experiência, ele não é contratado e fica inconformado. O jovem, então, liga para o chefe do Departamento Pessoal e pede uma explicação. O funcionário, sem graça, justifica por que não vai contratá-lo:
— Desculpe, não foi nenhum problema com o seu perfil profissional. É só por você ser solteiro, pois segundo a política da nossa empresa, só contratamos homens casados.
— Mas por quê? A empresa acredita que eles são mais inteligentes e competentes do que os solteiros?
— Não, simplesmente os casados estão mais acostumados a obedecer!
 

Enterro de rico

Durante um enterro de um rico empresário, um pobrezinho chorava compulsivamente no fundo da igreja.
Aproximou-se o padre e perguntou-lhe:
— Desculpe, é da família do falecido?
— Não — respondeu o outro, chorando mais ainda.
— Mas, então por que choras?
— Porque não sou da família.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Loading...