MENU

20/10/2021 às 17h31min - Atualizada em 20/10/2021 às 17h31min

MPMA realiza campanha alusiva ao Dia Nacional de Valorização da Família em Imperatriz

Iane Carolina
CCOM-MPMA
Uiuara Medeiros falou da importância do planejamento familiar - Foto: Divulgação
 
O Ministério Público do Maranhão deu início, nesta segunda-feira, 18, à campanha institucional “Planejamento Familiar”, na Unidade Escolar Graça Aranha. A atividade está sendo realizada nas escolas até sexta-feira, 22, em alusão à data de 21 de outubro, instituída pela Lei Federal nº 12.647/2012 como sendo o Dia Nacional de Valorização da Família.

A campanha é de iniciativa da titular da 3ª Promotoria de Justiça de Defesa das Famílias da Comarca de Imperatriz, Uiuara Medeiros. A ação também conta com o apoio das Secretarias Municipais de Educação, Saúde e Desenvolvimento Social, além dos Conselhos Tutelares Áreas I e II.

Os gestores da educação municipal foram convidados para que, durante a semana, em cada unidade de ensino, promovam momentos de debate em torno da matéria, envolvendo professores, alunos e toda a comunidade escolar. Durante as discussões, os gestores devem abordar temas como responsabilidade parental, métodos de organização da concepção e gravidez na adolescência, estimulando a troca de ideias e experiências em torno do tema, de modo que o debate leve à reflexão e conscientização dos adolescentes e jovens acerca da importância do planejamento familiar. As Secretarias Municipais de Saúde e de Desenvolvimento Social e os Conselhos Tutelares aderiram à campanha, de forma que os profissionais vinculados a esses órgãos desenvolvam, durante a semana, atividades relacionadas ao tema em suas respectivas áreas de atuação.

FALAS E APRESENTAÇÕES ARTÍSTICAS
A mesa de honra foi presidida pela representante do Ministério Público do Maranhão e demais parceiros. Mikaelle Santos, que é articuladora do Selo Unicef e coordenadora do Programa de Erradicação do Trabalho Infantil no município, além de compor a mesa, participou de uma apresentação artística.

Representando uma mãe, Mikaelle Santos demonstrou como a falta de planejamento familiar atravessa gerações e destacou a importância de quebrar este paradigma, levando jovens e adolescentes a pensar em um futuro diferente para suas vidas.

“É importante fazer com que os jovens reflitam sobre planejamento familiar, porque nós percebemos um padrão. A criança, o adolescente, vai vivenciando e reproduzindo o ciclo que a estrutura familiar lhe oferece e é necessário fazer diferente”, destacou Mikaelle Santos.

“O Ministério Público, mais uma vez, rompe os muros para estar mais perto da comunidade e discutir um tema tão importante. Cada cidadão tem o direito ao planejamento familiar. É preciso que cada um saiba que o poder público tem o dever de oferecer recursos, mecanismos, informações, orientações para efetivar o planejamento de cada um, respeitando a individualidade e vontade de cada indivíduo”, ressaltou a promotora de justiça Uiuara Medeiros. 

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Loading...