MENU

11/10/2021 às 20h01min - Atualizada em 11/10/2021 às 20h01min

Preso suspeito de homicídio ocorrido em agosto no Parque Alvorada II

A vítima foi Victor Oliveira Silva, que tinha 19 anos, e foi assassinado a tiros depois de sair de um bar

Dema de Oliveira
Momento que o suspeito chegava escoltado à Delegacia Regional de Polícia Civil em Imperatriz - Foto: Divulgação/Whatsapp
 
Uma equipe de policiais da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) prendeu no último domingo (10) o homem suspeito de um crime de homicídio, ocorrido no Parque Alvorada II, em Imperatriz, no mês de agosto. O suspeito preso foi identificado apenas pelas iniciais W.N.M.S., de 21 anos.

As investigações da Delegacia de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP) apontam W.N.M.S. como suspeito do crime. Segundo a polícia, durante as investigações, testemunhas informaram em depoimento que o suspeito do crime estava jogando sinuca no mesmo bar onde se encontrava Victor, que participava de um chá de bebê, e perdeu várias partidas. No final, não teve como pagar. O suspeito, então, pediu dinheiro emprestado a Victor para pagar a dívida e este se negou a emprestar. Isso teria sido a sentença de morte de Victor, que foi alvejado quando saía do bar. Victor ainda foi socorrido, mas morreu a caminho do hospital.

O suspeito foi levado para a Delegacia Regional de Polícia Civil em Imperatriz, onde após ter sido ouvido pela autoridade policial de plantão, que cumpriu o mandado de prisão em seu desfavor, passou pelo Instituto Médico Legal (IML), onde fez exames de praxe. Logo em seguida, foi levado para a Unidade Prisional de Ressocialização de Imperatriz (UPRI), onde se encontra até ulterior deliberação da justiça. Ele vai responder por homicídio duplamente qualificado (motivo fútil e sem dar chances de defesa a vítima) e pode pegar até 30 anos de prisão em julgamento que deverá ocorrer no próximo ano.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Loading...