MENU

20/08/2021 às 10h45min - Atualizada em 21/08/2021 às 00h00min

BrasilAgro é certificada GPTW pelo terceiro ano seguido

Companhia, que investiu em novas posições para aproximar colaboradores, registrou melhora na certificação desde 2019

SALA DA NOTÍCIA Redação
brasil-agro.com 
Reprodução
 

A BrasilAgro, empresa brasileira especializada na compra e venda de propriedades rurais e na produção de alimentos, fibras e bioenergia, foi certificada, pelo terceiro ano consecutivo, pela Great Place To Work (GPTW), consultoria global independente.

“O GPTW confirma que a estratégia adotada internamente para oferecer ao colaborador um bom lugar para trabalhar e fazer carreira tem funcionado", comenta Menethei Vianna, coordenadora de Recursos Humanos (RH) da BrasilAgro. "A companhia é formada por profissionais espalhados por diferentes regiões do país, em fazendas muitas vezes distantes, mas conseguimos trazê-los para perto por meio de políticas que humanizam as relações". 

A pesquisa realizada pela consultoria trouxe indicadores que revelam, por exemplo, que 94% dos funcionários sentem orgulho de trabalhar na companhia. Na média, a BrasilAgro atingiu nota 90, desempenho superior ao resultado alcançado em 2019 (86) e em 2017 (75). 

Para avançar e melhorar o índice de certificação, a empresa destaca que, nos últimos anos, revisitou a estrutura de suporte aos colaboradores nas fazendas e implantou, a partir de um trabalho de consultoria interna, um ponto focal que atua diretamente na propriedade.

"Este profissional, da área de psicologia, ajuda a reforçar os valores da companhia e mediar eventuais conflitos, permitindo a construção de um ambiente saudável de trabalho, que nos coloca nesta posição na GPTW", diz.

A BrasilAgro informa que tem investido em programa de líderes, bolsa de estudos e implantou uma Universidade Corporativa, levando o desenvolvimento e o crescimento dos colaboradores até profissionais do campo. Como a companhia tem atuação em outros países da América Latina, o Espanhol é a segunda língua da empresa, o que levou a criação de 13 turmas simultâneas de aulas do idioma. 

"Identificar oportunidades no agronegócio e produzir com eficiência alimentos, fibras e bionergia exige um time empenhado e apaixonado pelo que faz. O resultado da GPTW, pelo terceiro ano seguido, nos motiva ainda mais, porque sabemos que podemos contar com o esforço de cada um dos colaboradores", afirma Andre Guillaumon, CEO da BrasilAgro.

Mais informações:
brasil-agro.com 


 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Loading...