MENU

19/08/2021 às 19h27min - Atualizada em 19/08/2021 às 19h27min

Deputados lamentam morte do líder camponês Manoel da Conceição

Ribamar Santana
Agência Assembleia
Luiz Henrique, Marco Aurélio e Antônio Pereira destacaram a trajetória do líder camponês Manoel da Conceição - Foto: Agência Assembleia
 
Os deputados Luiz Henrique Lula (PT), Marco Aurélio (PCdoB) e Antônio Pereira (DEM) lamentaram, na sessão plenária desta quarta-feira (18), a morte do líder camponês Manoel da Conceição, aos 86 anos, no município de Imperatriz. Eles homenagearam o maranhense por sua história de luta em defesa dos direitos dos trabalhadores. Manoel foi um dos fundadores do PT e da CUT (Central Única dos Trabalhadores), ao lado do ex-presidente Lula, na década de 1980.

Luís Henrique Lula foi o primeiro a usar a tribuna.  “Manoel da Conceição era uma liderança singular e histórica. Sua vida foi um testemunho da luta corajosa em defesa dos direitos dos trabalhadores no Brasil”, afirmou.

Ele atentou para o fato de que a partida do camponês, por coincidência, se deu na mesma data de chegada de Lula a São Luís. “Deus assim determinou. Registro minha tristeza e a de todos os petistas, amigos e familiares. A luta de Manoel, seguramente, ficará nas páginas da história”

Testemunho - Marco Aurélio frisou que a trajetória de Manoel em defesa dos trabalhadores chamou a atenção do mundo. “Ele lutou com convicção e amor pela causa que defendia: os direitos dos trabalhadores. Sempre esteve ao lado dos mais pobres e não desistiu em nenhum momento, mesmo diante dos atentados sofridos e do exílio”.

Antônio Pereira, por sua vez, afirmou que Manoel da Conceição foi corajoso e respeitado, principalmente pela esquerda. “Minha solidariedade e sentimentos sinceros a todos que choram sua morte. Ele escreveu uma história de coragem e de representatividade”.
 

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Loading...