MENU

OPROGRESSONET Publicidade 728x90
08/10/2022 às 18h03min - Atualizada em 08/10/2022 às 18h03min

Contagem regressiva para a Copa do Mundo 2022

A Globo prepara uma supercobertura para o evento que acontece no Catar, a partir de 20 de novembro

Da Redação
GB Edições
Galvão Bueno se despede da narração dos jogos da Copa do Mundo. Esta será a sua décima terceira e última participação no evento / Fotos: Daniela Toviansky-RG
  
A Copa do Mundo do Catar começa no dia 20 de novembro e a mídia se organiza para a cobertura do evento. Vale dizer que a Globo tem os direitos exclusivos para a transmissão do evento na TV aberta e por assinatura no Brasil e promete uma cobertura com mais de 300 horas de transmissão no canal SporTV e 160 horas na TV Globo, sob o slogan “Tamo Junto Pela Copa”.

Com mais de 500 pessoas envolvidas na cobertura, sendo 73 no Catar, a cobertura será marcada pela representatividade, com mulheres assumindo funções antes desempenhadas apenas por homens. Ana Thais será a primeira mulher a comentar os jogos da seleção masculina em Copas do Mundo na Globo. Ela estará no Catar, ao lado de Galvão Bueno, de Júnior e do pentacampeão Roque Júnior. A cobertura também terá as primeiras narradoras mulheres em jogos de Copa: Renata Silveira na Globo e Natália Lara, no SporTV. 

No coração da cobertura, estará um estúdio especial, construído nos Estúdios Globo, no Rio de Janeiro, que terá projeções em tempo real de três câmeras instaladas no tradicional mercado Souq Waqif, do Catar. Com 20 horas de operação todos os dias, o estúdio servirá de cenário para os jogos da Globo transmitidos do Brasil e para programas como o “Central da Copa” e o “Esporte Espetacular” Globo, e para o “Seleção Catar”, do SporTV.

O SporTV transmitirá os 64 jogos, inclusive em 4K; a programação ficará ao vivo 18 horas por dia, de 6 horas da manhã à meia-noite. Para enriquecer os comentários durante as transmissões, o canal conta com os reforços do pentacampeão Kleberson, do ex-jogador da Seleção Hernanes e da lateral Tamires nas análises das partidas, que se juntarão aos comentaristas do SporTV. “A programação da Copa do Mundo no SporTV é para fanático por futebol”, ressalta o narrador Luiz Carlos Jr., que participou de todas as Copas que o canal cobriu, desde 1994.

Além de ser a primeira narradora do SporTV em Copa do Mundo, Natália Lara será também a mais jovem da equipe a exercer esta função na cobertura. 

Três programas especiais farão parte da programação especial de Copa do Mundo do SporTV. Logo após as transmissões dos jogos, Felipe Diniz comanda o “Troca de Passes”, que terá a presença também de Barbara Coelho e Carlos Eduardo Mansur, trazendo entrevistas dos jogadores na saída do campo, na zona mista e na coletiva. Na sequência, André Rizek e Marcelo Barreto apresentam o “Seleção Catar” direto do estúdio especial montado nos Estúdios Globo, com as presenças já confirmadas de argentino D‘Alessandro, de Hernanes e da atacante Cristiane, além de convidados especiais e de entradas ao vivo de repórteres diretamente de Doha. 

Fechando a programação do dia do SporTV, Magno Navarro e Igor Rodrigues apresentam o “Tá na Copa”, com uma pegada leve e descontraída. O programa terá a participação especial do ex-jogador Aloísio Chulapa e de mais um nome do entretenimento, que ainda será anunciado.

Em complemento à oferta do SporTV, o Globoplay vai fazer uma transmissão alternativa por dia com Tiago Leifert. Serão 22 jogos durante a Copa do Mundo, com uma linguagem leve e descontraída, que serão exibidos também no SporTV e no ge, que terá informações em tempo real, vídeos, lives, tabelas e resultados dos jogos.

A Globo transmitirá, ao vivo, 56 das 64 partidas - as únicas exceções são os oito jogos simultâneos da última rodada da fase de classificação. Na primeira fase, a programação da manhã e da tarde estará recheada de jogos, que acontecem às 7h, 10h, 13h e 16h e serão intercalados com programas de entretenimento e telejornais que também falarão de Copa. 

O coração da transmissão será o estúdio especial, no Rio de Janeiro, de onde serão transmitidos três dos quatro jogos diários.

Nas transmissões dos jogos da Seleção Brasileira, uma grande novidade: Ana Thaís Matos será a primeira mulher a comentar um jogo da seleção brasileira masculina em Copas do Mundo. Em sua última Copa nesta função na televisão, Galvão Bueno promete muita emoção na despedida, sua 13ª participação no evento. 

A cobertura na Globo ganha força a partir de 7 de novembro, dia da convocação dos jogadores da Seleção Brasileira, com a estreia de séries especiais nos telejornais esportivos e de rede. No dia 11 de novembro, o “Globo Repórter” traz uma edição especial sobre o Catar, que está sendo produzida por Eric Faria, que já chegou no país-sede da Copa.

Durante a Copa, as noites serão encerradas com leveza e alegria no “Central da Copa”. Alex Escobar terá a missão de recontar o que aconteceu no dia, ao lado de Jojo Todynho e do ex-atacante Fred. No quadro “Que Doha É Essa?”, o humorista Marcelo Adnet promete dar voz a todos os sentimentos do povo sobre a Copa, enquanto Lucas Gutierrez mostra a temperatura da torcida direto do Catar.

Agora é esperar pela escalação da Seleção Brasileira e torcer para que desta vez o Brasil traga o Hexa para casa.

Notícias Relacionadas »
Comentários »
OPROGRESSONET Publicidade 1200x90