MENU

04/11/2020 às 00h00min - Atualizada em 04/11/2020 às 00h00min

Marco Aurélio vai criar um Centro Especializado em Saúde Mental

Com a dificuldade na marcação de consultas para conseguir a receita de medicamentos, muitos pacientes vivem o mesmo drama da interrupção do tratamento

Da Assessoria do Candidato
Marco Aurélio promete projeto “De Bem com a Vida” - Foto: Divulgação
“Toda vez em que a gente precisa do medicamento, tem que marcar uma consulta. É um absurdo ter que ir às 5h da manhã, ficar numa fila para pegar ficha e esperar até às 7h para conseguir marcar uma consulta.” Essas são as palavras de indignação da vendedora Maria Luisa Lixa, que faz tratamento de distúrbio de ansiedade, há 13 anos, na rede municipal de saúde mental.

Com a dificuldade na marcação de consultas para conseguir a receita do medicamento, Maria Luisa e muitos pacientes vivem o mesmo drama que resulta num fato grave: a interrupção do tratamento. De acordo com o psiquiatra Antônio Soares, essa interrupção além de gerar mais custos para o município, prolonga o tempo de tratamento, prejudicando os pacientes.

“Você pode perder um trabalho de seis meses se o paciente voltar a ter uma crise de depressão mais intensa ou mesmo de ansiedade. Alguns pacientes que não tinham uma crise, há anos, podem entrar num surto por conta da falta de atendimento, por conta de não conseguir a medicação, porque não foi atendido”, alerta o psiquiatra.

Para acabar com essa situação, o candidato a prefeito pela coligação Imperatriz Merece Mais, Marco Aurélio, se comprometeu a criar o Centro Especializado em Saúde Mental. O espaço vai oferecer tratamento psicológico e psiquiátrico para população.

“Quando a gente fala que a saúde não pode esperar, também estamos falando da saúde mental. Tanto os pacientes quanto os profissionais sabem do descaso da atual gestão. Mas nós vamos mudar esse cenário, com um espaço humanizado, acolhedor e, acima de tudo, eficaz em resolutividade, melhorando a qualidade de vida dos pacientes e familiares”, promete Marco Aurélio.

O projeto “De Bem com a Vida”, que vai ajudar as famílias a enfrentar esse problema, contará também com uma ala psicopedagógica para alunos e professores da rede pública municipal.

“Nós sabemos como é difícil pra qualquer família, sobretudo para as mais pobres, lidar com entes queridos que sofrem com transtornos mentais. O projeto “De Bem com a Vida” traduz literalmente como a gente quer que as pessoas se sintam daqui pra frente em Imperatriz”, conclui o candidato.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Loading...