MENU

12/09/2022 às 22h22min - Atualizada em 12/09/2022 às 22h22min

Governo do Tocantins deixa de prestar serviços oncológicos com radioterapia a pacientes do SUS em Palmas

Clínica disse que vem buscando um acordo com a Secretaria da Saúde há cerca de um ano

Assessoria
Mais de 3.500 pacientes já foram tratados na clínica em cinco anos de serviço prestado ao SUS - Foto: Divulgação
 
Por falta de acordo com a Secretaria de Saúde do Estado do Tocantins (SES), a prestação de serviço de tratamento oncológico com radioterapia a pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS) será interrompida em Palmas.

Atualmente esse serviço é prestado por meio de um convênio entre o Governo do Tocantins e a clínica de Radioterapia Irradiar, única clínica do estado a possuir o Acelerador Linear, equipamento utilizado nos tratamentos radioterápicos de pessoas com câncer.

O convênio que permite a prestação desse importante serviço de saúde pública está se encerrando devido ao fim do saldo orçamentário a ele destinado.

A Radioterapia Irradiar informou que, há cerca de um ano, vem buscando junto à SES um acordo para o reequilíbrio econômico, porém não obteve respostas aos vários ofícios encaminhados, o que tem impossibilitado que novos atendimentos sejam realizados.

Conforme a clínica, mais de 3.500 pacientes já foram tratados em cinco anos de serviço prestado ao SUS, com um acelerador que está entre os mais modernos do país e técnicas que maximizam os resultados com menores impactos à saúde.

A clínica disse esperar que a situação se resolva diligentemente e se colocou à disposição para quaisquer esclarecimentos.

Até o fechamento da edição a SES não havia divulgado nenhuma informação a respeito.

Notícias Relacionadas »
Comentários »