MENU

10/06/2022 às 19h04min - Atualizada em 10/06/2022 às 19h04min

Ações do Comida na Mesa combatem a fome no Maranhão

Da Redação
SECOM/MA
Programa Comida na Mesa distribui cestas básicas e produtos da agricultura familiar - Foto: Divulgação
 
O Governo do Maranhão, por meio da Secretaria de Estado da Agricultura Familiar (SAF), tem realizado ações para combater a fome e garantir a segurança alimentar da população, principalmente durante a pandemia.

Entre as ações, destaca-se o programa Comida na Mesa, que visa fortalecer as ações de segurança alimentar e nutricional das famílias mais vulneráveis no estado.

Mais de 1 mil toneladas de alimentos em cestas básicas foram distribuídas entre 2021 e 2022, contendo itens indispensáveis, incluindo produtos da agricultura familiar. Estes alimentos foram doados às famílias cadastradas na rede socioassistencial dos municípios e entregues com o objetivo de garantir segurança alimentar.

De acordo com o secretário da SAF, Diego Rolim, o trabalho do órgão estadual também é proporcionar a segurança alimentar pela agricultura familiar.

“Sabemos que, mais de 70% do que está na mesa dos brasileiros vêm da agricultura familiar, e isso representa segurança alimentar e nutricional para a população. O Maranhão é um estado predominantemente rural, e nossas ações para fortalecer a agricultura familiar garantem mais produção de alimentos saudáveis que vão para a mesa dos maranhenses”, destacou o secretário Diego Rolim.

Ainda pela Secretaria, agricultores familiares foram credenciados pelo Programa de Compras da Agricultura Familiar (Procaf). Com o Procaf, os alimentos produzidos pelos agricultores foram comprados e depois doados a instituições socioassistenciais, escolas, hospitais e banco de alimentos. Em 2021, o Governo do Maranhão destinou mais de R$ 9 milhões para o Procaf, permitindo a agricultores, indígenas, quilombolas e extrativistas do babaçu, garantia de comercialização de seus produtos.

“Uma das principais políticas da SAF é a comercialização, e o Procaf é um canal que incentiva os homens e mulheres do campo a produzir mais, gera renda e, ainda, dá segurança alimentar às pessoas em situação vulnerável”, pontuou o secretário.

Também pelo Comida na Mesa, mais unidades de Restaurantes Populares foram inauguradas, chegando ao número 111º com refeições a R$ 1, visando justamente comida de qualidade e num valor acessível para a população. A agricultura familiar também está presente nos Restaurantes Populares pelo Maranhão, onde 30% dos alimentos preparados vêm do campo, viabilizando renda e produtos saudáveis na mesa dos consumidores.

Além disso, o Governo do Maranhão, por meio da SAF, tem garantido o acesso dos agricultores familiares a outras políticas públicas rurais que culminam na geração de renda e melhora da produção agrícola, que, consequentemente, garante segurança alimentar.

Notícias Relacionadas »
Comentários »