MENU

21/10/2021 às 12h01min - Atualizada em 21/10/2021 às 12h01min

Mulher grávida suspeita de tráfico de drogas é presa em Quixadá

Ascom - PC/CE
Foto: Divulgação Ascom-PC/CE
 
Quixadá (CE) - Diligências realizadas, nessa terça-feira (19), por uma equipe da Polícia Civil do Estado do Ceará (PC-CE) em Quixadá, na Área Integrada de Segurança 20 (AIS 20) do Estado, resultaram na prisão em flagrante de uma mulher suspeita de tráfico de drogas. Com a suspeita, que está grávida, foram apreendidas quantidades de cocaína, crack e maconha.

As diligências iniciaram após a expedição de um mandado de busca e apreensão contra a suspeita, identificada como Thais Ribeiro Cartaxo Silva (24), que já possui antecedentes por tráfico de drogas. A equipe da Polícia Civil diligenciou até o endereço, onde se encontrava a mulher, que está grávida de seis meses. Ao ser abordada pela equipe policial, Thaís tentou fugir, sem sucesso.

Durante as buscas na residência, os policiais civis localizaram quantidades de cocaína, crack e maconha, que estavam embaladas em 40 pequenos pacotes, prontos para a comercialização ilícita. Além dos entorpecentes apreendidos, dois aparelhos celulares, uma quantia em espécie e um caderno, utilizado para administrar o esquema, foram apreendidos. Ela recebeu voz de prisão em flagrante pelo crime de tráfico de drogas.

A suspeita e todo o material apreendido foram encaminhados à Delegacia Regional de Quixadá, onde foram realizados os procedimentos. Thaís foi autuada em flagrante por tráfico de drogas. Após ser também indiciada por integrar organização criminosa, ela foi posta à disposição da Justiça. A Polícia Civil investiga a participação de outros suspeitos no esquema ilícito.

 

Denúncias

A população pode contribuir com as investigações repassando informações que auxiliem os trabalhos policiais. As denúncias podem ser feitas para o número 181, o Disque-Denúncia da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), ou para o (85) 3101-0181, que é o número de WhatsApp, por onde podem ser feitas denúncias via mensagem, áudio, vídeo e fotografia.

As denúncias também podem ser encaminhadas para o telefone (88) 3445-1047, da Delegacia Regional de Quixadá. O sigilo e o anonimato são garantidos.

 

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Loading...