MENU

19/10/2021 às 21h44min - Atualizada em 19/10/2021 às 21h44min

​Diretoria de Polícia Comunitária lança edital para eleição do 2º Conselho Comunitário de Segurança do Bico do Papagaio

Encontro reuniu forças de segurança e comunidade

Assessoria
Foto: Rogério de Oliveira/Governo do Tocantins
 
A Secretaria da Segurança Pública (SSP-TO), por intermédio da Diretoria de Polícia Comunitária, realizou no último dia 15, uma reunião comunitária, em Araguatins, para implantação do Conselho Comunitário de Segurança (CONSEG). O encontro ocorreu às 19h, no auditório da Câmara Municipal, e contou com a presença de autoridades locais e comunidade em geral.

Durante a reunião, a equipe de colaboradores da Diretoria da Polícia Comunitária abordou temas ligados à polícia de proximidade e, também, a necessidade da participação e envolvimento da sociedade nas questões ligadas à segurança pública.

Ao final do evento, após ouvir os presentes sobre o interesse da comunidade em implantar o CONSEG em Araguatins, foi lançado o edital de inscrição de chapas com prazo de 15 dias. Posteriormente, será realizado o Curso de Agente Comunitário de Segurança em local a ser definido, bem como o processo eleitoral para escolha da Diretoria Executiva do CONSEG e a cerimônia de posse dos membros eleitos.

Bico do Papagaio
São Bento do Tocantins, Esperantina e Carrasco Bonito recebem a implantação de Consegs, nesta semana Cabe ressaltar que a equipe de policiais civis e militares da Diretoria de Polícia Comunitária, nesta semana, promoverão a implantação de três novos CONSEGs em São Bento do Tocantins, Esperantina, na divisa com o Estado do Pará e Carrasco Bonito.

Em São Bento, as ações de mobilização da comunidade e autoridades locais e a reunião comunitária aconteceram nesta segunda-feira, 18. Já o município de Esperantina receberá a reunião comunitária hoje, quarta-feira, 20.

Para o subdiretor de Polícia Comunitária e Delegado da Polícia Civil, Antônio Gonçalves de Carvalho Neto, as responsabilidades da segurança pública devem ser compartilhadas por todos os atores da sociedade, sejam forças de segurança, autoridades constituídas, organizações governamentais e não-governamentais, comerciantes e comunidade em geral, contribuindo para a efetivação do art. 144 da nossa Carta Magna atual. 

“Essas ações da Diretoria de Polícia Comunitária contribuem para aproximar ainda mais a comunidade e as forças de segurança. Nesse sentido, fortalecemos os laços de confiança e adquirimos informações essenciais que podem resultar em ações preventivas e possíveis operações policiais programadas”, finalizou.

A equipe da Diretoria de Polícia Comunitária é formada pelo major PM Vinícius Dourado; delegado de Polícia Civil: Antônio Gonçalves Neto; Carlos Alexandre Gomes - escrivão da PC-TO; Reginaldo Brabo - 2° sargento PM; Max Tiago Soares - Cabo PM e a assistente administrativa Sílvia Queiroz.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Loading...