MENU

17/09/2022 às 02h30min - Atualizada em 17/09/2022 às 02h30min

CEAF sem critério para escalar árbitro para jogos da segundona

José Henrique de Azevedo Júnior foi escalado para apitar o quarto jogo seguido do Imperatriz; no último ele expulsou dois jogadores

Dema de Oliveira
José Henrique de Azevedo Júnior no jogo Maranhão e Imperatriz - Foto: Divulgação
   
A diretoria do Imperatriz enviou documento à Federação Maranhense de Futebol (FMF) protestando contra a escalação do árbitro José Henrique de Azevedo Júnior, para o primeiro jogo da semifinal entre Imperatriz e Chapadinha, marcado par este domingo (18), às 15h30, no Nhozinho Santos, em São Luís.

Para a diretoria do Cavalo de Aço, está acontecendo uma falta de critério na escalação de árbitros para os jogos da Segunda Divisão, principalmente no que se refere ao Imperatriz. 

José Henrique de Azevedo Júnior já apitou três jogos do Imperatriz seguidos e foi escalado para apitar o próximo contra o Chapadinha pela semifinal. Em todos os jogos, quase que deliberadamente, José Henrique de Azevedo Júnior distribuiu cartões amarelos com excesso para jogadores do Imperatriz. No último (Maranhão x Imperatriz), ele amarelou quase meio time do Imperatriz e ainda expulsou dois jogadores, o zagueiro Yuri Silva e o lateral esquerdo Igor Tavares, além do preparador de goleiros Chico. 

O presidente Wagnner Ayres disse à reportagem de O PROGRESSO que não quer confusão com o envio do documento protestando sobre a escalação mais uma vez de José Henrique de Azevedo Júnior, para apitar um jogo do Imperatriz. “Não queremos confusão com ninguém, mas apenas demonstrar todo o nosso descontentamento devido a essa situação. É muita coincidência”, disse.

O eterno diretor da Comissão Estadual de Arbitragem de Futebol (CEAF), Marcelo Filho, alegou que tem árbitros que trabalham paralelamente e que estão viajando justamente a trabalho e outro que poderia participar do sorteio (?), Ranilton Oliveira está lesionado. O outro árbitro em condições é Maykon Matos Nunes, que foi escalado para Sabiá x Maranhão, a outra semifinal.

Confira a arbitragem para Chapadinha x Imperatriz, olha o tanto de gente num futebol praticamente sem recursos financeiros como o Maranhense. São sete pessoas entre árbitros, assistentes e o analista de campo, que resolveram também ressuscitar até o Nacour Benedito Arouche. 

 
  • Árbitro: José Henrique de Azevedo Júnior
  • Árbitro Assistente 1: Elson Araújo da Silva
  • Árbitro Assistente 2: José Carlos de Jesus               
  • Quarto Árbitro: Ronildo Alves dos Santos Vilar
  • Árbitro Adicional 1: Antonio Luis Borges Costa
  • Árbitro Adicional 2: Edna Cristina Santos Ferreira
  • Analista de Campo: Nacour Benedito Arouche

Notícias Relacionadas »
Comentários »