Time

Vejo muitos pré- candidatos achando que podem alcançar vitória nas eleições desse ano simplesmente usando as redes sociais, o que é um ledo engano. As redes sociais não elegem nenhum candidato. É preciso, antes de tudo, encontrar um time para atingir a emoção das pessoas em assistir, ler ou ouvir e se interessa. A internet foi usada por Jair Bolsonaro como um instrumento para ele chegar aos eleitores e ele usou bem.  Foram três ou quatro temas que ele usou e era o que a população brasileira pensava e não tinha coragem para se expressar. E viu nele a encarnação perfeita para combatê-los. 

Os temas

Que fez Bolsonaro presidente  foi, primeiro, a questão da defesa da família; depois contra o homossexualismo, criminalidade e, por último, invasões de terra. Todos os temas que naquele momento deixavam a população fragilizada. O PT não tinha como contra argumentar, afinal, defendia e defende a deteorização da família, o homossexualismo, e   invasões de terras pelo MST. E aí ficou nas mãos do Bolsonaro, e sem reação.

Tema

Isso leva a acrescentar que não basta estar  fazendo vídeos em buracos e entrevistando moradores, além de fazer críticas. É preciso encontrar um time para despertar sentimentos nas pessoas e fazer valer o trabalho nas redes sociais. Elas são os instrumentos para cada candidato chegar com mais facilidade e rapidez a todas as camadas da população.

Estrutura

Além do time, uma estrutura mínima  formada com pessoas com conhecimento em marketing e assessoria de comunicação, afinal, eles serão os responsáveis pela orientação ao candidato e difundir as mensagens. Sem estrutura não vai adiantar as redes sociais e os posts.

Plano

Nos dias 11 e 12 deste mês, a presidência da AGEMSUL recebeu  os Assessores Especiais da SECID, Yata Anderson e José Antônio. O objetivo da visita foi realizar reuniões com técnicos da AGEMSUL, Reitores de Universidades de Imperatriz e Conselheiros e Representantes da Região Metropolitana do Sudoeste Maranhense(RSMS) para tratar de assuntos relacionados ao método e cronograma de elaboração do Plano Diretor de Desenvolvimento Integrado - PDDI, fundamental para o desenvolvimento da Região Metropolitana do Sudoeste Maranhense.

Itinerante

Muito oportuna a realização da sessão itinerante da Assembleia Legislativa em Imperatriz e em outros municípios.  Isso faz com que a AL se aproxime mais dos cidadãos e conheça seu funcionamento e suas funções. Ontem, foi a vez de Imperatriz na terceira edição e outras cidades polos também serão visitadas.

Câmara

Este exemplo deveria ser seguido pela Câmara de Vereadores pelos mesmos motivos de aproximação. Como a zona rural de Imperatriz é pequena, seria muito interessante que nos povoados os vereadores pudessem se reunir em sessão  itinerante e proporcionar aos moradores manhãs festivas de conhecimento do seu parlamento e as ações dos seus vereadores.

ESCLARECIMENTO

A notícia sobre a utilização da rede de internet de "um dos setores da Prefeitura", para disseminar conteúdos ofensivos à honra alheia, fato em avançada fase de investigação da Polícia Civil, aponta com fortes indícios para uma funcionária desta ASCOM, prontamente DESLIGADA dos nossos quadros, tão logo se soube da notícia.

Lamentar

É de se lamentar o ocorrido, ressalvando-se que a ação criminosa é de inteira responsabilidade de quem a cometeu, visto que não se censura, por princípios e por direito, o que cada um faz valendo-se do acesso  a esse canal da rede mundial, que tem como utilidade a atividade fim desta ASCOM. Além do AFASTAMENTO, a funcionária será, a partir de hoje, alvo de um procedimento interno para apurar responsabilidade, que, se for o caso, poderá contribuir com a investigação policial. 
Imperatriz, sexta-feira, 14 de fevereiro de 2020
Sérgio Macêdo - Assessor Chefe da ASCOM.

Pois é, né? 

E como ela, há muitos que têm as redes sociais como meio de vida, não importa de que forma e métodos para ganhar dinheiro.