Líder emergente

Embalada pela onda Bolsonaro, a candidata a governadora Maura Jorge (PSL) ficou em terceiro lugar, com 7,87% dos votos, caminhando para ser uma grande liderança no Estado. Em Imperatriz, ela ficou na frente da ex-governadora Roseana Sarney (MDB), conseguindo 20.017 votos (15,93%). Foram 6.017 votos a mais. Ontem, a ex-prefeita de Lago da Pedra voltou a Imperatriz para agradecer à população e conversar com lideranças sobre a campanha do presidenciável no segundo turno. Após conceder entrevista coletiva em um hotel, ela fez uma visita ao ex-prefeito Sebastião Madeira (PSDB), que já decidiu votar em Bolsonaro.

Agradecimento

Amanhã o deputado federal e senador eleito Weverton Rocha (PDT) realiza uma carreata em Imperatriz para comemorar a vitória conquistada no dia 7 de outubro. Ele escolheu Imperatriz para começar os agradecimentos aos eleitores do Maranhão. O vereador Alberto Souza, presidente municipal do PDT, está à frente da organização do ato. Weverton foi eleito com 1.997.443 votos (35,02%). Em Imperatriz obteve 85.071 votos (37,65%).

Votação

O candidato à presidência da República, Jair Bolsonaro (PSL),  ganhou no primeiro turno em Imperatriz. Ele obteve 62.868 votos (48,38%), contra 38.156 votos (29,36%) de Fernando Haddad (PT). Ciro Gomes (PDT) ficou em terceiro com 18.02 (13,92%), seguido de Geraldo Alckmin (PSDB), com 3.646 votos (2,81%).

O sonho não acabou

O candidato a deputado federal por Imperatriz, empresário Josivaldo JP (PHS), ficou na primeira suplência. A sua coligação elegeu dois deputados – Eduardo Braide (PMN) e Pastor Gildenemyr (PMN). Ele obteve 23.113 votos (0,71%). Em Imperatriz foram 10.415 votos (8,24%). Mas o sonho de chegar ao Congresso Nacional continua. Em 2020, caso Braide decida se candidatar a prefeito de São Luís e saia vitorioso, JP se tornaria deputado federal. E assim seria o único representante de Imperatriz e região na Câmara dos Deputados.

Suplência

O ex-prefeito Ildon Marques (PP) ficou na terceira suplência. À sua frente ficaram Paulo Marinho Jr. (PP) e Deoclides Macedo (PDT). Ele obteve 37.558 votos (1,15%). A coligação elegeu Josimar Maranhãozinho (PR), André Fufuca (PP), Junior Marreca Filho (PATRI), Gil Cutrim (PDT) e Júnior Lourenço (PR).

Olha aí!

Enquanto Imperatriz, o segundo maior colégio eleitoral do estado, chora a não eleição de nenhum deputado federal, cidades de menor porte comemoram. Exemplo é Itapecuru-Mirim, que novamente tem deputado federal eleito – Junior Marreca Filho. E não ficou só por aí. Também ganhou um deputado estadual, com a eleição do empresário Wendell Lages (PMN).

Renovação 

O índice de renovação na Câmara dos Deputados nesta eleição foi de 47,37%, segundo cálculo da Secretaria-Geral da Mesa (SGM). Em números proporcionais, é a maior renovação desde a eleição da Assembleia Constituinte, em 1986. No domingo (7), foram eleitos 243 deputados “novos” (de primeiro mandato) e reeleitos 251 deputados, de um total de 444 candidatos à reeleição. Ou seja, 56,5% dos deputados que se candidataram à reeleição foram reeleitos. Também foram eleitos 19 ex-deputados de legislaturas anteriores (3,7%). A informação é da Agência Câmara.