MENU

11/09/2020 às 00h00min - Atualizada em 11/09/2020 às 00h00min

Servidor da PF no Tocantins é encontrado morto; Caseiro é o principal suspeito

Assessoria
Corpo da vítima foi encontrado em uma rede com sinais de espancamento. - Foto: Divulgação/Arquivo Pessoal
O servidor da Polícia Federal no Tocantins, Aécio de Moura Lucas, 58 anos, foi encontrado na manhã desta quarta-feira (9) em sua propriedade rural, no município de Aparecida do Rio Negro, região central do estado. O caseiro é o principal suspeito do latrocínio, que é roubo seguido de morte. 

O corpo de Aécio
A Secretaria da Segurança Pública (SSP) e a Superintendência da PF no Tocantins lamentaram a morte do servidor. Aécio ingressou no quadro da instituição no ano de 1999, no cargo de Motorista Oficial.

O crime teria acontecido durante o feriado dessa terça-feira (dia 8 - Padroeira do Estado). Segundo informações de moradores da região, o servidor aposentado teria sido violentamente espancado a pauladas enquanto dormia em uma rede, local onde o corpo foi encontrado.

Conforme nota da Polícia Federal, o autor do crime furtou pertences e um veículo da vítima e fugiu do local.

No início da noite de ontem (9), a Polícia Civil recebeu informações de que o autor do crime teria abandonado o veículo da vítima na Rua Castelo Branco, na cidade de Silvanópolis, e logo após fugiu seguindo em direção à rodovia TO-010.

A Polícia Federal juntamente com equipes da Polícia Civil, Polícia Militar, Força Tática do 5º e 6º BPM e Rotam montaram uma força-tarefa para a realização das investigações e buscas para prender o autor do crime.

O sepultamento foi realizado às 14:00 desta quinta-feira (10), no Cemitério Parque das Acácias, em Palmas-TO. (Com informações da PC-TO / 1ª Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (1ª DHPP)

NOTA DE PESAR 
"É com profundo pesar que a Superintendência Regional da Polícia Federal no Tocantins comunica o falecimento na manhã da última quarta-feira (09) do Servidor da Polícia Federal Aécio de Moura Lucas. Aécio de Moura, natural de Patos de Minas/MG, tinha 58 anos e ingressou no quadro da Polícia Federal no ano de 1999, no cargo de Motorista Oficial.

Ele foi vítima possivelmente de latrocínio ocorrido na sua propriedade rural, localizada próximo a cidade de Aparecida do Rio Negro. O autor do crime furtou pertences e um veículo da vítima e em seguida fugiu do local. A Polícia Federal juntamente com equipes da Polícia Civil, Polícia Militar, Força Tática do 5o e 6º BPM e Rotam montaram uma força-tarefa para a realização das investigações e buscas para encontrar o autor do crime.

No início da noite de ontem (09), a Polícia Civil recebeu informações de que o autor do crime teria abandonado o veículo da vítima na Rua Castelo Branco, na Cidade de Silvanópolis, e logo após fugiu seguindo em direção à Rodovia TO 010. Equipes da Polícia Militar estão na região, mas até o momento o autor do crime não foi encontrado.

Exemplar e dedicado, Aécio era um profissional competente, modelo para os mais experientes e generoso com os novos colegas de profissão. Se destacava pelo sorriso, espírito de companheirismo e pela alegria de viver que contagiava a todos a sua volta.

A Superintendência Regional se solidariza com familiares, amigos e colegas de trabalho, lamentando profundamente o triste episódio que encerrou a vida do nobre colega, que deixa muitas saudades e um legado de exemplo de benevolência e sabedoria".

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Loading...