MENU

18/08/2021 às 19h26min - Atualizada em 18/08/2021 às 19h26min

Falso pastor preso em Taguatinga enganou quatro mulheres em Imperatriz

Em um dos casos, o falso pastor Alailson Amorim levou um carro da vítima

Dema de Oliveira
Aleilson Amorim, falso pastor cometeu os mesmos crimes em Imperatriz e enganou quatro mulheres - Foto: Divulgação
 
Alailson Amorim, 41 anos, é o nome do falso pastor que vinha dando golpes em vários estados da federação.Depois de aliciar mulheres cometia furtos, principalmente de dinheiro, quando angariava a confiança delas. 

Segundo informações, ele passou pelo Maranhão e em especial por Imperatriz, onde usando o nome de Deus, pois se passava por pastor evangélico, enganou quatro mulheres. Bom de lábia, ele aproximava-se e teve caso com elas, com falsas promessas, e quando angariava a confiança, as furtava, além de cometer crime de estelionato. Em um dos casos ocorridos em Imperatriz, o falso pastor Aleilson Amorim furtou o carro da mulher. Foi nessa ocasião, que ele fugiu para Aracaju, em Sergipe, onde também praticou os mesmos crimes, pelos quais foi preso em Taguatinga (DF).

Aleilson Amorim praticou esses crimes em Imperatriz, no mês de junho passado, e as mulheres o denunciaram na Delegacia Especial da Mulher (DEAM), cuja delegada abriu inquérito, ainda em fase de investigação e pode representar pelo pedido de prisão preventiva em desfavor do acusado. 

Alailson Amorim, 41 anos, ainda ontem foi transferido de Taguatinga, para Aracaju (SE), onde se encontra preso à disposição da justiça e responde pelos crimes de estelionato e furto. 

O acusado foi preso no último sábado (14), no Shopping JK, em Taguatinga, durante ação conjunta entre a Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF) e Polícia Civil de Sergipe (PC/SE). Contra Alailson havia três mandados de prisão em aberto.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Loading...