MENU

17/08/2021 às 19h12min - Atualizada em 17/08/2021 às 19h12min

Ex-presidiário é assassinado a tiros em bar na Avenida Santa Teresa

A vítima é João Pedro Nunes Valentim, 21 anos, que era conhecido também pela alcunha de ‘De Menor’

Dema de Oliveira
João Pedro Nunes Valentim foi morto com dois tiros na nuca - Foto: Divulgação/Redes Sociais
 
A Delegacia de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP), por meio de uma equipe de agentes, iniciou ontem mesmo as investigações em torno de mais um crime de homicídio nesse mês de agosto, em Imperatriz. João Pedro Nunes Valentim, 21 anos, que também era conhecido por ‘Se Manor’, é a vítima. Agora, já são 9 homicídios em agosto e 62 de janeiro até agora, na segunda maior cidade do Maranhão.

João Pedro foi atingido por dois disparos, que acertaram-lhe a nuca, quando se encontrava sentado na porta de um bar na Avenida Santa Teresa, bairro Juçara.

Um homem que conduzia uma motocicleta foi o autor dos disparos. Fugiu em alta velocidade, após balear João Pedro, que ainda chegou a ser socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), mas morreu a caminho do Socorrão. Os próprios socorristas, como determinam as normas, levaram o corpo de João Pedro para o Instituto Médico Legal (IML).

A polícia também informou que a vítima era amiga de um jovem chamado Cristhian Santos Rodrigues, assassinado a tiros no início deste mês, no mesmo bairro. Cristhian estava portando uma arma de brinquedo no momento em que foi atingido pelos disparos. A morte de João Pedro, que tinha passagens pela polícia acusado de tráfico de droga, pode estar ligada à morte de Cristhian Santos Rodrigues. A primeira linha de investigação da DHPP é que o crime pode estar ligado ao submundo das drogas.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Loading...