MENU

17/08/2021 às 09h39min - Atualizada em 17/08/2021 às 09h39min

Marcelo Medeiros assume a liderança na geral dos Quadriciclos do Sertões 2021

Após as correções de bônus e penalidades, antes da largada desta segunda feira, e com o resultado da terceira especial da competição, o maranhense da Taguatur Racing Team reconquista o primeiro lugar na competição, somando 11h28min01seg, mais de um minuto de vantagem sobre o segundo colocado.

Silvana Grezzana Santos | Luciano Santos | Josi Castro
SiG Comunicação – [email protected]
Piloto Marcelo Medeiros (Victo Eeleuterio / Fotop)
  
São Raimundo Nonato (PI) — Marcelo Medeiros, da Taguatur Racing Team, acaba de reassumir a ponta entre os Quadriciclos na 29ª edição dos Sertões. Com as correções de cronometragem, após a segunda etapa, e conservando a segunda colocação na terceira especial da competição, o maranhense da Taguatur Racing Team, com sua Yamaha YFM 700R #100, acumula 11h28min01seg no tempo geral da prova, pouco mais de um minuto a frente do segundo colocado. Na especial desta segunda-feira, entre Araripina (PE) e São Raimundo Nonato (PI), o piloto completou os 220 quilômetros em 3h30min02seg.

O trajeto cronometrado desta terceira etapa entrou no Parque Nacional da Serra da Capivara, um dos mais antigos sítios arqueológicos das Américas, com pinturas rupestres com mais de 50 mil anos de história. O caminho, por região montanhosa, foi repleto de muitas pedras, passagens por pontes altas e trechos que exigiram alta atenção do piloto. A especial foi muito travada, com pistas mais estreitas. Apenas  no final da especial os competidores passaram por trecho de areia de 15 km, chegando a pouco mais de 45 quilômetros da bolha de São Raimundo Nonato (PI).

“O equipamento está tranquilo, chegou bem, só fazer uma revisão de rotina e estará pronto para amanhã. Para próxima etapa tenho que acelerar e aumentar a diferença”, relata Marcelo Medeiros.

"O percurso amanhã deve ser bem parecido com o de hoje. Começa bem rápida e segue por fazendas com trechos bem sinuosos. Depois, por trechos de trial com muitas pedras. Nos últimos quilômetros, a prova volta a ficar rápida até a chegada. Tem muita disputa pela frente”, conclui o piloto.

Nesta terça-feira, 17, a caravana dos Sertões permanece em São Raimundo Nonato e, os competidores, terão uma prévia do que reservam as etapas de maratona. A especial, denominada “Laço do Vaqueiro”, terá 316 quilômetros de especial, que circundará a localidade, ainda dentro da Serra da Capivara, nos quais os competidores não poderão contar com sua equipe de apoio enquanto estiver acontecendo o percurso da prova. Será um trecho inédito em toda história dos Sertões, em que as máquinas percorrerão pelos cânions locais e pela vegetação de caatinga.

O início do percurso intercalará trechos de trial pesado, com pedras grandes, para depois seguir em piso arenoso, com radar e muitas lombas altas. No meio do trajeto, outro trial técnico difícil, com pareces de pedra, caindo em trecho sinuoso com muita vegetação local. Na sequência, pista de alta velocidade. O último quarto da prova reserva outros trechos mais sinuosos, com riachos secos, piso com muitas quebradeiras e buracos, até voltar à Vila Sertões. Será a etapa que exigirá o mais alto nível técnico dos competidores e a que terá as retas de mais alta velocidade de toda competição.

O rali passará  ainda por  Xique-Xique (BA), Petrolina (PE), Delmiro Gouveia (AL), Arapiraca (AL) e Tamandaré (PE), onde será a chegada no dia 22, e sediará a cerimônia de premiação.

Marcelo Medeiros conta com patrocínio do Governo do Estado do Maranhão e do Centro Elétrico, através da Lei Estadual de Incentivo ao Esporte, no Sertões.

RESULTADO DA 3ª ETAPA – QUADRICICLOS (extra-oficial)
– “São Raimundo Nonato”: Araripina (PE) / São Raimundo Nonato (PI)
1) #107 Manuel Andujar, Yamaha Raptor 700, Bianchini Rally, 03h27min08seg3
2) #100 Marcelo Medeiros, Yamaha YFM-700R, Taguatur Racing Team, 03h30min02seg8
3) #101 Rafal Sonik, Yamaha Raptor, Sonik Team, 03h38min47seg7

RESULTADO GERAL APÓS DUAS ETAPAS – QUADRICICLOS (extra-oficial)
1) #100 Marcelo Medeiros, Yamaha YFM-700R, Taguatur Racing Team, 11h28min01seg0
2) #107 Manuel Andujar, Yamaha Raptor 700, Bianchini Rally, 11h29min04seg5
3) #101 Rafal Sonik, Yamaha Raptor, Sonik Team, 12h15min57seg8

Próximos trechos do SERTÕES 2021:

Terça-Feira, 17/08 - 4ª etapa – “Laço do Vaqueiro”:  S. Raimundo Nonato (PI)
DI – 0 km |TE – 316 km |DF – 5 km | Total= 321 km
Local de chegada: Parque de Exposições - São Raimundo Nonato (PI)

Quarta-feira, 18/08 - 5ª etapa – “Xique-xique”: S. Raimundo Nonato (PI) / Xique-Xique (BA)
DI – 14 km | TE – 329 km | DF – 100 km |Total = 422 km (MARATONA)
Local de chegada: Parque Aquático Ponta das Pedras

Quinta-feira, 19/08 - 6ª etapa - “Velho Chico”: Xique-Xique (BA) / Petrolina (PE)
DI – 0 km | TE – 328 km | DF – 148 km |Total = 476 km (FIM MARATONA)
Local de chegada: Pátio de evento Ana das Carrancas

Sexta-feira, 20/08 - 7ª etapa – “Lampião”: Petrolina (PE) / Delmiro Gouveia (AL)
DI – 139 km | TE – 240 km | DF – 62 km |TOTAL= 441 km
Local de chegada: Cidade Universitária

Sábado, 21/08 - 8ª etapa – “Alagoas”: Delmiro Gouveia (AL) / Arapiraca (AL)
DI – 9 km | TE – 152 km | DF – 87 km | TOTAL= 249 km
Local de chegada: Planetário e Casa da Ciência

Domingo, 22/08 – 9ªetapa - “Sertão virou mar”: Arapiraca (AL) / Tamandaré (PE)
DI – 194 km | TE – 133 km | DF – 18 km | TOTAL= 344 km
Local de chegada: Forte de Santo Inácio de Loyola

TOTAL GERAL= 3.615 km | TOTAL DE ESPECIAIS= 2.202 km
 

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Loading...