MENU

11/08/2021 às 19h05min - Atualizada em 11/08/2021 às 19h05min

Programa Formare: iniciativa da Suzano em parceria com a Fundação Iochpe, promove capacitação profissional para jovens em situação de vulnerabilidade social

Em Imperatriz o programa já está na sua 6ª turma integrando 20 alunos no curso de Operador de Processo de Produção

Assessoria de Imprensa da Suzano
Foto: Divulgação
 
A  Suzano, referência global na fabricação de bioprodutos desenvolvidos a partir do cultivo de eucalipto, destaca as ações do Formare, iniciativa da Suzano em parceria com a Fundação Iochpe. Desde 2005, o programa capacita jovens em situação de vulnerabilidade social, para o mercado de trabalho por meio de educação profissional voltada ao setor industrial. Até o momento, a Suzano já formou mais de 690 jovens reforçando o compromisso de promover uma mudança positiva na sociedade por meio da educação.

Em Imperatriz (MA), o Formare já formou cerca de 100 jovens, sendo que 48% foram contratados(as) pela Suzano, e atuam hoje nas áreas de Celulose, Recuperação e Utilidades, Housekeeping, Logística e Manutenção, dos(as) jovens contratados(as), 34% são mulheres, reforçando nosso compromisso com a educação, diversidade e inclusão. Além disso, o programa conta ainda com mais de 400 voluntários(as) gerando e compartilhando valor desde o início do da iniciativa em Imperatriz. Em 2021, o Formare chega a sua 6ª turma na unidade, integrando 20 alunos e alunas no curso de Operador(a) de Processo de Produção Com carga horária de 1.260h, o curso tem duração de 10 meses com disciplinas práticas e teóricas, que proporcionam mais oportunidade de aprendizado e crescimento profissional dos(as) jovens no mercado.

A iniciativa abrange jovens entre 18 e 19 anos completos que tenham o ensino médio ou estejam cursando o 2º ou 3º ano em escola pública. Fazer parte das comunidades do entorno da companhia e ter família com renda de até um salário-mínimo por pessoa estão entre os outros critérios de seleção do programa, fortalecendo nosso compromisso de desenvolver jovens por meio da educação. 

Dentre os benefícios oferecidos estão a capacitação profissional, uniforme, material escolar e seguro de vida. Durante o período de pandemia as aulas são realizadas em formato on-line e ministradas por colaboradores(as) voluntários(as) da Suzano, que são capacitados pela Fundação Iochpe e compartilham seus talentos e experiências profissionais com os(as) jovens. A 6ª turma em Imperatriz iniciou as aulas em julho e tem previsão de formação completa em maio de 2022. 
 “Há 16 anos, o Formare prepara jovens para o mercado de trabalho e isso reforça o nosso compromisso de fortalecer o protagonismo social e seu papel de agente transformador na sociedade por meio da educação. Acreditamos que só é bom para nós se for bom para o mundo, e com o programa conseguimos fomentar nossos valores e renovar o nosso olhar para o futuro em prol de uma sociedade mais justa e com mais oportunidades para todos e todas”, finaliza Elisabete Flores Pagliusi, coordenadora de Voluntariado e Projetos de Formação da Suzano.

Sobre a Suzano 
A Suzano é referência global no desenvolvimento de soluções sustentáveis e inovadoras, de origem renovável, e tem como propósito renovar a vida a partir da árvore. Maior fabricante de celulose de eucalipto do mundo e uma das maiores produtoras de papéis da América Latina, atende mais de 2 bilhões de pessoas a partir de 11 fábricas em operação no Brasil, além da joint operation Veracel. Com 97 anos de história e uma capacidade instalada de 10,9 milhões de toneladas de celulose de mercado e 1,4 milhão de toneladas de papéis por ano, exporta para mais de 100 países. Tem sua atuação pautada na Inovabilidade – Inovação a serviço da Sustentabilidade – e nos mais elevados níveis de práticas socioambientais e de Governança Corporativa, com ações negociadas nas bolsas do Brasil e dos Estados Unidos. Para mais informações, acesse: www.suzano.com.br 

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Loading...