MENU

05/08/2021 às 09h02min - Atualizada em 05/08/2021 às 09h02min

PF deflagra Operação “Voitheia” II para combater fraudes ao Auxílio Emergencial

Foram cumpridas pela PF mais de vinte medidas judiciais, em Minas Gerais, Rio de Janeiro e em Santa Catarina.

Comunicação Social da Polícia Federal no Rio de Janeiro
Voitheia II cumpre quatro mandados de prisão no RJ, SC e MG - Foto: Arquivo PF
 
Rio de Janeiro/RJ
– A Polícia Federal deflagrou hoje (5/8) a Operação Voitheia II, em continuidade ao combate às fraudes aos Benefícios Emergenciais, pagos a parte da população, em razão da pandemia. Os responsáveis pela investigação estimam que aproximadamente 5.000 benefícios do auxílio emergencial foram fraudados pela organização criminosa.

Na ação de hoje, foram cumpridos 4 Mandados de Prisão Preventiva e 22 Mandados de Busca e Apreensão, expedidos pela 10ª Vara Federal Criminal no Rio de Janeiro, além do cumprimento da determinação judicial de sequestro dos bens dos investigados. As ações ocorrem nos Estados do Rio de Janeiro, Santa Catarina e Minas Gerais, com a participação de aproximadamente 60 Policiais Federais.

Os trabalhos realizados resultam de uma união de esforços denominada Estratégia Integrada de Atuação contra as Fraudes ao Auxílio Emergencial (EIAFAE), da qual participam a Polícia Federal, Ministério Público Federal, Ministério da Cidadania, CAIXA, Receita Federal, Controladoria-Geral da União e Tribunal de Contas da União.

Os objetivos da atuação interinstitucional são a identificação de fraudes massivas e a desarticulação de organizações criminosas, com a responsabilização de seus integrantes, além da recuperação aos cofres públicos dos valores pagos indevidamente.

Na primeira fase da Operação Voitheia, deflagrada em abril deste ano, a PF prendeu quatro pessoas em flagrante.

Voitheia significa ajuda em grego.
 

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Loading...