MENU

07/07/2021 às 19h40min - Atualizada em 07/07/2021 às 19h40min

Coleta seletiva atinge mais de 264 toneladas de recicláveis no primeiro semestre de 2021

Os números já chegam a quase 1 milhão e meio de quilos de recicláveis encaminhados para a Ascamari

Léo Costa
Ascom/PMI
Desde o inicio da gestão já foram coletadas cerca de 1.495.132 toneladas de recicláveis - Foto: Arquivo
 
O município de Imperatriz fechou o primeiro semestre de 2021 com 264.943 toneladas  de recicláveis, destacando papelão com 128.032, ferro 37.001, plásticos em geral com 26.332, papeis em geral 19.548 e 44.030 toneladas do Ponto de Entrega Voluntária, PEV, Vila Cafeteira, e as 10 toneladas distribuídas entre outros tipos de materiais.

A coleta seletiva vem sendo desenvolvida desde 2017 pela Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Recursos Hídricos, Semmarh, sendo iniciado em setembro de 2018, no regime porta a porta, e desde então já foram coletadas cerca de 1.495.132 toneladas de recicláveis, sendo 262.837 em 2018, 463.304 em 2019, 498.012 em 2020, mesmo com dois meses de paralisação por conta da Covid-19, e 264.943 do primeiro semestre deste ano.

“São números significativos. Vale ressaltar que mesmo com a paralisação por dois meses, abril e maio de 2020, por conta da pandemia do novo coronavírus, os índices são crescentes. O reflexo desse crescimento é fruto do engajamento da gestão municipal, dos parceiros e da população que através do trabalho de educação ambiental vem melhorando no processo de separação do lixo, por que o cidadão consciente é peça chave nessa questão”, declarou a secretária de Meio Ambiente, Rosa Arruda.

Os materiais recicláveis são coletados pela Secretaria de Limpeza Pública, SLP, com logística da empresa MB Limpeza Urbana. Os resíduos são encaminhados para a Associação dos Catadores de Materiais Recicláveis, Ascamari, Avenida Cacauzinho, s/n, Recanto Universitário, Vila Fiquene, contemplando, direta e indiretamente, cerca de 250 famílias.

Conforme o coordenador municipal da Coleta Seletiva, Jairo Santana, “a coleta é uma alternativa viável para a diminuição do lixo, bem como para o reaproveitamento de materiais específicos para reciclagem, contribuindo para os processos de preservação ambiental. Para que esse processo ocorra da melhor maneira possível, se faz necessária a adesão e colaboração da população”, explica Jairo Santana.

Além da coleta seletiva de porta em porta, o Município conta com 12 Pontos de Entrega Voluntária, PEVs, e a participação de 82 parceiros, dentre os quais empresas, condomínios, agências bancárias, escolas, igrejas e instituições em geral. Contatos com a coordenação municipal da coleta seletiva através do Disque Coleta (99) 99218-4275 e com a empresa MB Limpeza Urbana (99) 98511-4564.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Loading...