MENU

17/06/2021 às 19h18min - Atualizada em 17/06/2021 às 19h18min

TJ suspende julgamento de advogado acusado de envolvimento na morte de Valdecy Rocha

Alexandre Moura pediu desaforamento do júri, motivo da suspensão do julgamento

Dema de Oliveira
Alexandre Lima Moura Neto teve julgamento suspenso pelo TJMA - Foto: Arquivo/O PROGRESSO
 
O Tribunal de Justiça do Estado do Maranhão (TJMA) suspendeu o julgamento do advogado Alexandre Lima Moura Neto, que seria realizado nesta quinta-feira (17), em Imperatriz. 

O PROGRESSO apurou que o motivo da suspensão do julgamento foi em função de que a defesa de Alexandre Lima Moura Neto deu entrada no Tribunal de Justiça, de um pedido de desaforamento do júri. O Tribunal de Justiça do Maranhão suspendeu o julgamento até que seja deferido ou não, o pedido de desaforamento do júri para qualquer outra Comarca, que não seja Imperatriz. Alexandre Moura conseguiu uma liminar para que o seu julgamento fosse adiado, até a decisão.

Genner Marinho, sobrinho da vítima, que participaria do Tribunal do Júri, indignado, disse que essa foi mais uma manobra de Alexandre Lima Moura Neto para escapar da justiça. “Há 16 anos Alexandre Lima Moura Neto tem procurado se esquivar das barras da justiça. Ele vem tentando de todos os meios para não ser submetido a júri popular. Porém, o Tribunal entende que ele tem de ser julgado pelo crime, tal qual foram os demais envolvidos”, destacou Genner Marinho.

Alexandre Lima Moura Neto seria julgado hoje, depois de quase 16 anos do assassinato do também advogado Valdecy Ferreira Rocha. O crime aconteceu dia 30 novembro de 2005, no centro da cidade. Valdecy Rocha foi assassinado pelo pistoleiro Gilvan Varão, com dois tiros na cabeça, à queima-roupa. Segundo consta nos autos do processo, as investigações apontam que Alexandre Lima Moura Neto foi quem agenciou o pistoleiro Gilvan Varão. De todos os envolvidos nesse crime, apenas Alexandre ainda não foi julgado, porque vem impetrando recursos, como aconteceu agora com o pedido de desaforamento do Tribunal do Júri. 

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Loading...