MENU

01/06/2021 às 18h22min - Atualizada em 01/06/2021 às 18h22min

Setran viabiliza acordo com cooperação técnica para reduzir sinistros na Avenida Pedro Neiva

Agentes de trânsito foram deslocados para preservação do local, após sinistro com engavetamento

Gil Carvalho
Ascom/PMI
Quatro veículos se envolveram no engavetamento na Avenida Pedro Neiva de Santana, no Parque Amazonas - Foto: Gil Carvalho
  
O secretário de Trânsito e Transportes, Leandro Braga, garantiu nessa terça-feira, 01 de junho, que medidas estão sendo adotadas para reduzir o número de sinistros na Avenida Pedro Neiva de Santana, como por exemplo, a formalização do acordo de cooperação técnica entre a  Prefeitura de Imperatriz e o Governo do Maranhão.

“Esse acordo está sendo conversado entre a Secretaria Municipal de Trânsito, representando o município, e a Agência Executiva Metropolitana do Sudoeste do Maranhão, Agemsul, representando o Governo do Estado, pois estamos na parte jurídica para confeccionar o documento de cooperação para definir o que será feito nesta via”, disse ele.

Leandro Braga assegurou que após esse convênio, a Setran iniciará o processo de instalação dos radares eletrônicos de controle de velocidade e a implantação de sinalização de limite de velocidade. Também realiza levantamento para verificar a instalação de lombadas físicas em pontos críticos da Avenida Pedro Neiva de Santana.

“Nós não vamos aceitar essa grande quantidade de sinistros. Não iremos aceitar da forma que está essa via”, pontou ele, que lamentou que alguns condutores não respeitam o limite de velocidade permitido na Avenida Pedro Neiva de Santana. “Essa situação obriga o Estado e o Município a colocarem os redutores de velocidade para melhorar a segurança viária no perímetro de Imperatriz até João Lisboa”, frisou.

O coordenador-geral de Trânsito, Hodislan Maciel ressaltou que “após receber uma ligação, via Disque-Trânsito, dos condutores envolvidos em sinistros na Avenida Pedro Neiva de Santana deslocou rapidamente equipes de patrulhamento de trânsito para preservar o local do sinistro”.

“Por ausência de convênio, agentes de trânsito não podem fazer levantamento pericial no local do sinistro, mas para evitar outras ocorrências foram deslocadas nossas equipes para orientar os motoristas e preservar a área, onde acionamos ainda o Instituto de Criminalística, Icrim, para confecção do laudo, pois a competência é do Estado”, frisou.

Sinistros - Foram registradas na manhã desta terça-feira, 01, duas ocorrências de sinistros: engavetamento envolvendo quatro veículos em frente à nova faixa de pedestres situada em frente ao residencial Acapulco na Avenida Pedro Neiva de Santana, Parque Amazonas. Outra  envolvendo uma motocicleta e uma caminhonete aconteceu no conjunto semafórico de acesso ao Jardim das Oliveiras.

Em todas as ocorrências teve apenas registro de danos materiais, sem vítimas.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Loading...