MENU

01/05/2021 às 00h00min - Atualizada em 01/05/2021 às 00h00min

Músicas em Destaque

Da Redação
GB Edições

Álbum                                         
Tudo em Paz - Jorge & Mateus

Jorge & Mateus lançaram pela Som Livre, em todas as plataformas de música, o tão esperado álbum "Tudo em Paz". Gravado ao vivo em Pirenópolis (GO), em setembro de 2020, o trabalho conta com 15 faixas, sendo 10 inéditas e com uma participação de Marília Mendonça. Com 15 anos de trajetória musical, Jorge & Mateus continuam fazendo o que sabem de melhor: lançar música boa, acumular sucessos, fãs, recordes e grandes números. O projeto audiovisual "Tudo em Paz" é também o nono álbum da carreira da dupla e chega em um ótimo momento profissional dos artistas, que foram os mais ouvidos da década passada no país, de acordo com o Spotify. "A gente trouxe pra esse trabalho um repertório variado e um estilo diversificado. Tem um pouco de tudo, tem música pra amar, dançar, namorar e se apaixonar. Tem também muito da essência de Jorge & Mateus", declara a dupla. Com hits pra ninguém botar defeito, Jorge & Mateus apresentam neste trabalho as inéditas “Tudo em Paz”,”‘Namorando com Saudade”, “O Sol Tá Dando Oi”, “Desisto”, “Por Que Parou na Porta?”, “Do Jeito Que Tá Não Dá”, “Treta”, “Namora Eu Aí”, a música de trabalho “Troca” e o feat com Marília Mendonça, “Me Ame Mais”.

 

Música                                                                                                        
Como Queria Te Deixar Entrar / Gustavo Bertoni e Giovanna Moraes

Chegou às plataformas digitais a parceria inédita de Gustavo Bertoni com Giovanna Moraes. A faixa "Como Queria Te Deixar Entrar" tem produção musical de Lucas Mayer, que já havia atuado com Gustavo no lançamento anterior do músico, “Ricochet”, música dele e do Apeles. "Trabalhar com música e conhecer pessoas através dela é algo que me alimenta muito. Gosto da sensação de como os aspectos daquela pessoa vão surgindo na composição e no processo criativo também", reflete Gustavo. "É um privilégio materializar um encontro de duas pessoas que estão se conhecendo durante um processo artístico. Muitas vezes, o momento da composição com alguém pode ser bem vulnerável, sabe? Acaba sendo muito especial - ainda mais durante os tempos de isolamento - acessar esse calor humano, sentir e entrar em contato com essas emoções todas, que são muito genuínas", completa o músico. Ele descobriu Giovanna na Internet, via redes sociais. "Bateu bem demais, soou orgânico e atemporal", comenta Gustavo a respeito de seu primeiro contato com o trabalho da cantora paulistana. "Nos seguimos e falamos de vários assuntos, o papo seguiu para essa ideia de fazermos uma parceria. Eu tinha uma melodia em mente e mandei para ela, que por sua vez já começou a trabalhar em cima da letra na hora". A partir daí, Giovanna e Gustavo foram afinando timbres e ideias e completaram o processo criativo com a entrada de Lucas Mayer na produção. "Buscamos um som orgânico, a partir das nossas afinidades sonoras. Eu e a Giovanna gostamos de coisas do jazz contemporâneo, algo mais experimental. Acho que tem um pouco disso e, ao mesmo tempo, evoca um certo minimalismo do R&B moderno, até um pouco abrasileirado também, se pensarmos na composição e na melodia", discorre Gustavo, que pela primeira vez canta em português na sua carreira solo.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Loading...