MENU

28/04/2021 às 18h25min - Atualizada em 28/04/2021 às 18h25min

Carlos Brandão é o nome ideal para a sucessão do governador Flávio Dino ao Palácio dos Leões, afirma Zé Reinaldo

Illya Nathasje
Ex-Governador dp Estado, José Reinaldo Tavares - Foto: Divulgação
O título acima é o extrato perfeito da entrevista concedida pelo ex-governador José Reinaldo Tavares, ao Programa Ponto Final (Rádio Mirante AM-São Luís) apresentado por Jorge Aragão. Nela, o ex-ocupante do Palácio dos Leões e principal mentor e condutor de uma das brilhantes vitórias que o Maranhão conheceu - a eleição de Jackson Lago e o princípio da derrocada do Grupo Sarney – fez análise de cenários e nomes. Da possibilidade de uma vice oriunda do PDT, da volta à política da ex-governadora Roseana Sarney, da reaproximação com o governador Flávio Dino, da surpresa com o convite e a nomeação para o cargo de diretor do Porto do Itaqui e foco principal, voltou a defender abertamente o nome do vice-governador Carlos Brandão (PSDB) à sucessão de Flávio Dino (PCdoB).

Ao destacar que o governador promove intensas conversas com o intuito de evitar um racha entre aliados, ressaltou que é Brandão quem pode dar continuidade a atual gestão. “O governador tem dito que vai fazer o possível e o impossível para juntar o grupo todo em torno de seu candidato, o candidato que ele escolher. Eu acho que aí pesa muito para o governador a continuidade. Quem conhece os projetos a fundo que o governador vem tocando é o Carlos Brandão, que participa de tudo, inaugura muita coisa do governador, tem a confiança irrestrita. Basta ver que ele foi escolhido duas vezes, vice-governador, de forma que a continuidade é uma coisa muito forte para o governador”, explicitou.

POSSÍVEL VICE

Sobre um dos nomes que tem surgido como possível vice numa possível composição com Carlos Brandão para 2022, o da deputada Cleide Coutinho (PDT), Zé Reinaldo afirmou ver com bons olhos o nome da deputada, mas observou ser essa, uma decisão que caberá exclusivamente ao governador Flávio Dino. “O governador sabe jogar as pedrinhas do jogo do poder e eu não acredito que ele delegue a qualquer pessoa a escolha do vice. A escolha vai ser dele, pessoal. E a Cleide é um grande nome, sem dúvida nenhuma, eu aplaudo. Mas quem vai escolher é Flávio”, disse.

Como se sabe o senador Weverton Rocha já se lançou candidato, assim como o deputado federal Josimar de Maranhãozinho (é só um detalhe que este, juntamente com Júnior Marreca, tenha sido recebido ontem no Palácio dos Leões). Conversas fazem parte do cotidiano político e o próprio Weverton neste mês já esteve num encontro a três, com o governador e seu vive.

Analistas de plantão sugerem que a composição com a deputada Cleide Coutinho, resultaria no consenso ideal, pois evitaria um racha com o PDT.  É certo que não somente a escolha do vice passa pelo governador Flávio Dino, como também e, principalmente a escolha do candidato a governador. Mas vale ressaltar, a escolha de um nome do PDT para vice, essa é decisão é da verve pessoal do senador Weverton.

ROSEANA SARNEY

Sobre o retorno da ex-governadora Roseana Sarney ao cenário político em 2022, Zé Reinaldo disse:  “Roseana é uma grande liderança popular e política, uma pessoa de grande experiência e que ela precisa realmente voltar à política. Ela poderá ajudar muito. Eu conversei com ela sobre isso. Eu apoio a declaração dela de que vai pleitear a presidência do MDB aqui no estado, eu acho que essa é a posição dela, uma posição política forte e com a ascensão do Lula que agora pode ser candidato a presidente e a aproximação de Roseana e seu pai com o Lula, eu acho que a posição certa que ela tem que tomar, é o palpite, mas ela tem dito isso. De forma que eu acho que ela vai sair para deputada federal mesmo, que ela pode ajudar o MDB fazendo uma bancada e sem dúvida nenhuma, com a possível eleição, pode ser que aconteça, do Lula, ela teria condições de ajudar muito o Maranhão”, destacou.

REAPROXIMAÇÃO COM FLÁVIO DINO

No começo da entrevista, Zé Reinaldo que foi nomeado diretor do Porto de Itaqui, se disse surpreendido com o convite e destacou a felicidade de voltar ao Governo e sua reaproximação com Flávio Dino.

“Foi uma surpresa muito boa para mim. Eu recebi aqui o emissário do governador me convidando para participar do governo. Foi um gesto que me tocou muito. Eu acredito que política não pode afastar as pessoas que têm o mesmo pensamento, o desenvolvimento do Maranhão, de forma que eu fiquei muito sensibilizado com o convite do governador e disse isso a ele, que eu estava pronto para ajudar, de forma que eu apenas atendi o convite de uma pessoa que quer o bem do Estado. É o que eu também quero. E para trabalhar nesse sentido, pode contar comigo”, destacou.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Loading...