MENU

26/04/2021 às 21h00min - Atualizada em 26/04/2021 às 21h00min

GPE prende condenada por tráfico de droga que não cumpriu determinações da LEP

A mulher foi presa em casa, no bairro Sol Nascente em Imperatriz

Dema de Oliveira
A Mulher foi entregue no Plantão Central da PC de Imperatriz e depois de ouvida foi para o presídio - Foto: Divulgação
  
Após intensos levantamentos, policiais civis lotados na 10ª Delegacia Regional de Polícia Civil de Imperatriz, cumpriu Mandado de Prisão definitiva em desfavor de uma mulher pelo crime de tráfico de drogas. A mulher de iniciais J.V.A., foi presa num endereço no bairro Morada do Sol, em Imperatriz.

Os investigadores do Grupo de Pronto Emprego (GPE), um grupo de elite da Delegacia Regional, inicialmente tomaram conhecimento sobre a existência do mandado judicial e passaram a fazer levantamentos até chegarem a mulher, neste domingo (25).

O crime foi cometido no ano de 2002, sendo que a infratora chegou a ser presa preventivamente em 2006, ficando alguns meses reclusa. Colocada em liberdade com compromisso de comparecer à Justiça periodicamente para informar suas atividades, a mulher não mais compareceu, descumprindo a Lei de Execução Penal (LEP) e foi dada como foragida. Ela chegou a mudar de cidade algumas vezes no intuito de não ser localizada.

Conduzida a Delegacia Regional de Imperatriz para os procedimentos cabíveis, a mulher foi em seguida encaminhada a ala feminina da Unidade Prisional de Ressocialização de Davinópolis (UPRD), onde disposição e encontra a justiça.
A Polícia Civil em Imperatriz divulgou o número do disk denúncia: (99) 98475-5975. Garantiu, também, que os denunciante terão o anonimato mantido.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Loading...