MENU

11/02/2021 às 00h00min - Atualizada em 11/02/2021 às 00h00min

Família de suspeito de ter assassinado pintor em Barra do Corda dá versão sobre o caso

Dema de Oliveira
Maiky deve se apresentar espontaneamente à polícia - Foto: Arquivo
A família do homem que foi identificado apenas como Maiky, suspeito de ter sido o autor do assassinato do pintor Antonio Carlos Sousa Carvalho, mais precisamente a irmã Ana Paula, dá a versão sobre o caso.

Vale ressaltar, inicialmente, que O PROGRESSO simplesmente narrou o crime, como foi contado pela polícia. Apenas foram narrados os fatos sem denegrir a imagem ou julgar quem quer que seja. 

Segundo Ana Paula, Maiky, como de costume, trabalhou o dia todo e no fim da tarde, voltando para casa, resolveu passar em um bar para tomar uma cerveja para relaxar. Para infelicidade de Maiky, Antonio Carlos estava no estabelecimento. Segundo a jovem, a vítima já tinha um atrito com o seu irmão, porque já teria tentado arrombar a janela da casa de Maiky.

Maiky pegou a cerveja e sentou em outra mesa do bar. Estava na dele tomando, quando Antonio Carlos começou a provocá-lo. Inclusive teria chamado Maiky para a briga e partiu para cima, acontecendo o que ninguém gostaria. “Meu irmão apenas se defendeu. Ou era o pintor ou ele. Acho que qualquer ser humano faria isso”, disse Ana Paula. 

Conforme ainda informações de Ana Paula, Maiky deverá se apresentar espontaneamente à polícia, acompanhado de um advogado, para que os fatos sejam devidamente esclarecidos. 

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Loading...