MENU

19/01/2021 às 00h00min - Atualizada em 19/01/2021 às 00h00min

Secretário da Saúde recebe o 1º lote de vacinas destinadas ao Maranhão

SECAP
Foto: Divulgação
O secretário da Saúde do Maranhão, Carlos Lula, recebeu nesta segunda-feira (18) o primeiro lote de vacinas destinadas ao estado. Ele estava em São Paulo acompanhando a entrega dos produtos. 

“É um dia histórico que vai nos permitir, enfim, vencer a pandemia”, disse Lula. As vacinas estão armazenadas em câmaras frias para preservá-las. A chegada do lote em São Luís estava prevista para a noite de ontem 

O governador Flávio Dino afirmou pelas redes sociais que “assim que elas chegarem, iniciaremos o transporte e entrega às prefeituras. Também entregaremos seringas e agulhas para as prefeituras que precisarem”.

Nesta primeira fase, o Maranhão recebe doses de vacinas Coronavac, produzida pelo Instituto Butantan em parceria com o laboratório chinês Sinovac, para iniciar vacinação de profissionais de saúde e indígenas. Foram destinadas 123.040 doses ao Maranhão, além de 41.200 já separadas para os indígenas do estado, que totaliza 164.240 doses. Este primeiro lote é destinado ao grupo prioritário.

“O início da vacinação é uma grande conquista. Mas é fundamental a viabilização urgente de mais vacinas, pois o número inicial é muito pequeno. Alternativa mais viável é a fabricação no Brasil, pelo Butantan e pela Fiocruz. Foco deve ser esse agora”, disse o governador.

Em vídeo publicado nas redes sociais, o governador Flávio Dino garantiu a execução do Plano Estadual de Vacinação, com distribuição célebre das vacinas para os municípios. 

Insumos

O Governo do Estado finalizou, nesta segunda-feira (18), a distribuição de agulhas e seringas para todas as Regionais de Saúde do Maranhão. Foram enviados 315.400 insumos, os quais deverão ser utilizados para imunizar o público-alvo nos 217 municípios durante a Etapa 1 da primeira fase de vacinação contra a Covid-19. 

“A equipe da Central Estadual de Armazenamento e Distribuição de Imunobiológicos do Maranhão está trabalhando em regime de plantão para organizar toda a logística. O objetivo é garantir que todos os municípios possam receber os insumos de forma antecipada, a fim de iniciar a campanha de vacinação contra a Covid-19 ainda esta semana”, afirmou a superintendente de Epidemiologia e Controle de Doenças da SES, Tayara Pereira. 

Na etapa 1 da primeira fase de vacinação contra a Covid-19, conforme Informe Técnico do Ministério da Saúde, serão vacinadas pessoas com 60 anos ou mais institucionalizadas, pessoas com deficiência institucionalizadas, população indígena aldeada e profissionais da saúde da linha de frente ao combate à Covid-19. 

No sábado (16), quando a distribuição foi iniciada, as duas primeiras regionais contempladas foram Itapecuru e Rosário, que juntas receberam o equivalente a 10.500 insumos. A entrega continuou no domingo (17) e na segunda-feira (18), com destino aos municípios da Região Metropolitana. Somente para a capital São Luís foram entregues 48 mil agulhas e seringas em razão do quantitativo populacional a ser imunizado. 

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Loading...