MENU

19/08/2020 às 11h15min - Atualizada em 19/08/2020 às 11h15min

Golpistas 'usam' até Delegacia no Tocantins para captar dados bancários, CPF e senhas

Com informações da PC-TO
Polícia alertou que a Delegacia Virtual não envia e-mail para comunicar denúncia - Foto: Divulgação
Palmas (TO) - Criminosos estão usando a Delegacia Virtual da Secretaria de Segurança Pública (SSP-TO) como isca para captar dados de internautas no Tocantins. No golpe que está sendo aplicado, a pessoa recebe um e-mail como se fosse da Delegacia Virtual solicitando a confirmação de um Boletim de Ocorrência (BO) e informando que há uma denúncia virtual em seu nome e CPF.
Conforme orienta o delegado adjunto da Divisão Especializada de Repressão a Crimes Cibernéticos (DRCC), Claudemir Luiz Ferreira, a pessoa jamais deve clicar no link disponibilizado neste tipo de e-mail.
O delegado explica que, ao clicar no link, o usuário será direcionado para um ambiente virtual controlado por criminosos, que objetiva a captura de dados para a prática de crimes. São dados bancários, CPF e senhas. Neste tipo de golpe, há também a possibilidade de o usuário ter o seu equipamento invadido por um vírus espião.

NÃO ENVIA E-MAILS
Conforme a Polícia Civil, a Delegacia Virtual não envia e-mail para comunicar qualquer tipo de denúncia. Além disso, o único procedimento realizado pela Delegacia Virtual é a validação do Boletim de Ocorrência pela pessoa que o registrou virtualmente.
Para evitar ser vítima desse tipo de golpe, a Polícia Civil recomenda que o usuário não abra e-mails cujos destinatários sejam desconhecidos; instale um bom antivírus em seu equipamento e faça varreduras periódicas para detectar a presença de vírus.
Caso aconteça de ser vítima desse tipo de golpe, a pessoa deve procurar a Delegacia de Polícia mais próxima de sua casa e registrar um Boletim de Ocorrência.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Loading...