MENU

16/12/2020 às 00h00min - Atualizada em 16/12/2020 às 00h00min

Mercado maranhense ganha qualificação inédita para manutenção mecânica de máquinas de costura industrial

Curso do SENAI foi promovido numa ação do Avança MA

Coordenadoria de Comunicação e Eventos do Sistema FIEMA
A presidente do Sindivest-MA, Ana Rute Mendonça, o aluno e empresário Wilson Muniz e o superintendente da FIEMA, Cesar Miranda - Foto: Divulgação
SÃO LUÍS – Uma das grandes queixas dos empresários do setor de vestuário de São Luís era a falta de profissionais capacitados para atender as demandas do setor no quesito manutenção mecânica das máquinas de costura. A realidade era da famosa premissa da lei da oferta e procura, onde o resultado de poucos profissionais qualificados e, consequentemente, demora no atendimento das demandas e preços elevados dos serviços de manutenção. 

Para o empresário e aluno do curso, Wilson Muniz, que atua há 19 anos no mercado ludovicense de malharia, existem muitas malharias e poucos mecânicos especializados. “Era uma verdadeira sofrência, chama mecânico, não tem disponibilidade, tinha que se esperar uma agenda. E a demanda não espera agenda, ela é imediata. Então essa parceria trouxe um instrutor e nos deu essa capacitação. Eu particularmente estou muito feliz com o resultado do curso, pela qualidade técnica do instrutor e acredito que todos estamos de parabéns pela iniciativa!”. 

Diante desse cenário, o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI-MA) ofereceu e formou na última sexta (11/12) a 1ª turma do curso de capacitação profissional de Manutenção de Máquinas de Costura, numa parceria inédita com o SENAI Ceará atendendo a demanda do Sindicato das Indústrias de Malharia e de Confecções de Roupas em Geral do Estado do Maranhão (SINDVEST/MA). O curso foi uma iniciativa do SENAI-MA dentro do programa Avança MA às empresas associadas ao sindicato. 

“O Avança Maranhão foi criado e pensado exatamente para atender as necessidades das empresas que requisitaram ao sindicato que trouxe até a FIEMA em articulação com o SENAI o atendimento da demanda.  O Sistema FIEMA uniu forças para atender essas demandas e que as empresas tivessem condições de se manter”, destacou o superintendente da FIEMA, César Miranda. 

“Eu quero agradecer ao SENAI por atender essa demanda que o Sindvest já tinha há muito tempo. Finalmente conseguimos realizar esse curso que era uma carência muito grande do setor de vestuário”, enfatizou a presidente do Sindvest, Ana Rute Mendonça.

Planos - “O SENAI sempre atento ao processo de desenvolvimento produtivo do Estado busca frequentemente capacitar as pessoas para dar respostas às instituições públicas e privadas. Com essa demanda do Avança Maranhão e em parceria com a FIEMA, procuramos atender da melhor forma possível buscando inclusive a parceria do SENAI do Ceará para oferecer um curso de qualidade agregando valor aos profissionais do mercado de trabalho. A tendência do SENAI/MA é ampliar esse número de cursos para atender essa demanda reprimida e estendendo até Imperatriz”, destacou o diretor regional do SENAI, Raimundo Arruda. 

Ao todo foram capacitados 16 profissionais que receberam conhecimentos teóricos e práticos de Mecânico de Manutenção de Máquina de Costura durante 3 meses (160h) para realizar manutenção preventiva e corretiva em máquinas de costura, adequando ao produto e material, visando a melhoria contínua da qualidade e produtividade, de acordo com as normas e procedimentos técnicos de qualidade, segurança, higiene e saúde no Centro de Educação Profissional e Tecnológico (CEPT) Raimundo Franco Teixeira, no Monte Castelo, em São Luís. 

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Loading...