MENU

05/12/2020 às 00h00min - Atualizada em 05/12/2020 às 00h00min

José Carlos faz um breve histórico de sua presidência na Câmara Municipal

Sidney Rodrigues – ASSIMP
José Carlos: “Cumpri com minha missão” - Foto: Sidney Rodrigues 
No uso da Tribuna, nesta quinta-feira, o vereador José Carlos Soares Barros (Patriota) comentou sobre sua passagem pela Câmara Municipal de Imperatriz .Informou ser o vereador que nos últimos 30 anos tem o menor número de faltas no parlamento, pois mesmo quando não é dia de sessão, ele está presente. Foi o primeiro a chegar na presidência da Câmara por três vezes consecutivas (biênios 2015/2016 – 2017/2018 – 2019/2020) sem ajuda dos prefeitos. Seus apoios sempre vieram dos colegas parlamentares e dos servidores, mencionando a homenagem feita por todos os funcionários do legislativo na semana passada.

“Em 32 anos de vida pública e seis mandatos, sai duas vezes desta casa. Perder uma eleição é doído. Perder o mandato, a cadeira, o seu espaço conquistado é algo que dói. Muitas vezes não por ser um mal vereador, mas pela legenda partidária, como aconteceu com muitos nesta eleição. 

Desde que comecei minha história neste parlamento, minha votação nunca foi a mesma, as vezes dobrava, para na eleição seguinte tirar somente a metade dos votos. Estou tendo a alegria e a felicidade de concluir uma grande missão. Fiz grande mudanças, físicas e administrativas. Deixo 100% de amigos. Aqui dentro não existem adversários, não existem opositores e isto se deve a minha forma de agir e tratar a todos, usando a bondade para me guiar. Vivo de acordo com a minha condição e minha consciência, sempre fui e sempre serei assim”.

Falou também das pessoas que receberam títulos e medalhas de mérito legislativo, anteriormente na mesma sessão e explicou que quando se tornou presidente, cada vereador tinha o direito de dar apenas um título e uma medalha. Ele mudou isso alterando o regimento. Agora cada parlamentar pode dar três de cada honraria (Título de Cidadania e Medalha de Mérito Legislativo Barão de Coroatá). Citou a realização das entregas durante seu mandato, com grandes recepções para até três mil pessoas, onde foram recebidos os cidadãos, os agraciados e suas famílias como nunca havia sido feito antes.

“Todos gostam de ser homenageados e seria maravilhoso que pudéssemos receber nossos novos cidadãos e condecorados com festa, mas devido a essa pandemia, vivemos um dos anos mais longos e tristes da nossa história. Passei dias amargurado nesta casa, sozinho, andando nos corredores quando a Câmara ficou fechada. Andava nas ruas e não via um carro, nem uma bicicleta, então foi quando começamos a fazer teste dos funcionários, trazendo todos de volta e acabando com a grande solidão que pairava sobre esta casa, que sem o povo não é nada”. 

Zé Carlos afirma estar realizado e muito agradecido a todos os servidores, amigos, vereadores eleitos, reeleitos e não reeleitos. 

“Quem passou de 500 votos nesta eleição foi um herói e aqui apenas Bebé, Adhemar e Ricardo aumentaram a votação. Não estou arrependido de não ter participado desta eleição, não tenho nada a lamentar. Na verdade, estou muito feliz, pois saio pela porta da frente. Obrigado Imperatriz por tudo o que tem me proporcionado”, finalizou.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Loading...