MENU

05/12/2020 às 00h00min - Atualizada em 05/12/2020 às 00h30min

PM suspeito de assassinar empresário é transferido para São Luís

Dema de Oliveira
Policial Hermano Lima Queiroz foi transferido para o Quartel Geral da PM - Foto: Arquivo/O PROGRESSO
O policial militar Hermano Lima de Queiroz, suspeito do assassinato do empresário Valdine Diniz dos Santos, foi transferido para o Quartel do Comando Geral da Polícia Militar do Maranhão, em São Luís. Essa é uma prática normal, quando se trata de policial que desviou conduta e foi preso. A informação foi confirmada a reportagem de O PROGRESSO pela Delegacia de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP), que investiga o caso.

Com a transferência dele para São Luís, a justiça decidiu pela manutenção da prisão, em audiência de custódia. Hermano Lima de Queiroz foi preso em cumprimento a um mandado de prisão temporária, válida por 30 dias. Mas o período pode ser prorrogado ou transformado em prisão definitiva, de conformidade com os fatos ocorridos e observados durante as investigações. Ele foi preso em casa na última terça-feira, no bairro Juçara, em Imperatriz.

As investigações da Delegacia de Homicídios identificaram que o PM foi quem matou o empresário no dia 10 de novembro. Agora, a polícia quer identificar o mandante, haja vista que já está comprovado que o crime foi encomendado. O policial preferiu usar a força da lei e ficou calado durante a oitiva, logo após ser preso.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Loading...