MENU

OPROGRESSONET Publicidade 1200x90
OPROGRESSONET Publicidade 728x90
21/01/2023 às 07h59min - Atualizada em 22/01/2023 às 00h00min

Quais os desafios na área de TI com a LGPD?

Conheça os impactos e desafios que a lei gera para o time de TI

SALA DA NOTÍCIA Daniela Nucci
Foto: Divulgação

A Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) impacta em todos as áreas de uma organização, inclusive no setor de TI, responsável por implantar e gerir sistemas que controlam dados.  A sigla surge com muita responsabilidade das companhias que entendem que é preciso preservar a privacidade dos indivíduos. Especialmente no contexto em que hackeamentos de dados estão mais sofisticados e, portanto, os sistemas robustos de tecnologia são levados a inovar para reduzir bugs.

Logo, as empresas que operam com dados (em qualquer volume) em sistemas ERP, CRM, contabilidade etc., precisam repensar bastante as suas estruturas de tecnologia para assegurar que os dados não sejam vazados e nem que eles sejam armazenados sem consentimento de titulares.

Mas como saber se os dados dos clientes e colaboradores estão seguros? “O primeiro passo para atender a LGPD pode ser alcançado migrando seus serviços para a Nuvem Google para ajudar a cumprir muitas determinações previstas na Lei”, diz o especialista em cloud e um dos sócios da Vercan Tecnologia, Síber Eduardo Cintra.

Um estudo feito pela consultoria ICTS Protiviti, realizada em maio de 2021, apontou que 84% das empresas brasileiras não estavam preparadas para atender as determinações da LGPD. “A maior parte das empresas possuem estrutura de banco de dados para armazenar informações relacionadas aos sistemas que suportam o negócio, mas uma grande parte das informações sensíveis a LGPD estão em documentos e e-mails da organização, sendo qualquer tipo de vazamento ou perda destas informações passíveis de penalidades”, diz o profissional.  

A Vercan em parceria com a Google oferece produtos e soluções que podem ser utilizados como parte da estratégia de conformidade com a LGPD, entre eles:

  • recursos de segurança e privacidade que ajudam você a se adequar à LGPD, além de melhorar a proteção e regência de dados pessoais;

  • serviços e infraestrutura criados para garantir a segurança do processamento de dados e a implantação de práticas de privacidade adequadas;

  • evolução contínua dos nossos produtos e capacidades à medida que o panorama regulatório muda;

  • compromissos sólidos com o processamento de dados, a privacidade e a segurança nos nossos termos do Google Workspace e GCP.

    Para o especialista de TI, o Google Workspace é o serviço do Google que oferece versões de vários produtos Google que podem ser personalizados de forma independente com o nome de domínio do cliente. “Ele oferece diversos aplicativos da web com recursos similares aos dos pacotes office tradicionais, inclusive Gmail, Chats, Google Agenda, Drive, Docs, Planilhas, Apresentações, Groups, News, Play, Sites, e Vault”, diz o profissional.  

 

“Esta última ferramenta é imprescindível para o cumprimento das determinações LGPD, que permite localizar dados e os detalhes de quem editou, acessou, etc. Além de permitir a remoção de dados específicos de forma centralizada. Permitindo de forma ágil é fácil cumprir a determinação de que o dado de um determinado cliente seja esquecido conforme solicitado pelo mesmo”, explica Siber.

Segundo ele, o Google Cloud Platform é a ferramenta que provê serviços IaaS, PaaS, FaaS totalmente aderentes às Leis de proteção de dados do Brasil, com infraestrutura integrada a uma rede mundial que atende aos padrões de segurança mais conceituados do mundo. “Migrando seus servidores On Premisse para a nuvem Google o gestor estará em um ambiente com os mais altos padrões de segurança mundial, podendo esquecer os problemas relacionados a segurança do Datacenter dentro da empresa”, conclui.


Notícias Relacionadas »
Comentários »
OPROGRESSONET Publicidade 1200x90